Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Gisele Bündchen e Tom Brady correm risco de perder R$ 3,4 bilhões em processo

O ex-casal está sendo processados nos EUA por um suposto esquema de pirâmide financeira envolvendo a empresa FTX

Famosos e TV|Do R7

Gisele Bündchen, Tom Brady e outras celebridades estão sendo processados por um investidor americano que os acusa de ter enganado os clientes em um suposto esquema de pirâmide financeira da corretora critpo FTX. Agora, o ex-casal corre o risco de perder R$ 3,4 bilhões na ação.

FTX é uma das maiores empresa de criptomoedas baseada nas Bahamas, que se tornou muito conhecida devido ao marketing atrelado a imagem de diversos famosos do mundo esportivo.

Em junho do ano passado, a modelo e o jogador adquiriram uma participação acionária na FTX como parte de uma parceria de longo prazo. Os termos estipulados do acordo fizeram Brady assumir um papel de embaixador na bolsa e Bündchen se tornar conselheira de Iniciativas Ambientais e Sociais. Na época, o então casal comemorou a parceria profissional.

“Essa oportunidade específica nos mostrou a importância de educar as pessoas sobre o poder da criptomoeda e, ao mesmo tempo, retribuir às nossas comunidades e ao planeta. Temos a chance de criar algo realmente especial aqui e mal posso esperar para ver o que podemos fazer juntos", disse ele.

Publicidade

"O que mais me atraiu nessa parceria foi o potencial de aplicar recursos para ajudar a regenerar a Terra, e possibilitar que as pessoas tenham uma vida melhor, gerando assim uma verdadeira transformação em nossa sociedade", completou Gisele.

Entretanto, os tempos mudaram e a FTX, que já foi um promissor empreendimento de criptomoeda, agora está à beira da falência. Preocupados com a nova situação da empresa, diversos clientes fizeram saques que ultrapassaram o valor de 6 bilhões de dólares.

Publicidade

O declínio da FTX também viu o CEO Sam Bankman-Fried perder US$ 14,6 bilhões, de sua fortuna em pouco tempo. Após as retiradas em massa, o chefe da empresa recentemente procurou investidores para um fundo de resgate de US$ 8 bilhões.

Brady e Bündchen, que têm um patrimônio líquido coletivo de US$ 650 milhões, podem não sofrer uma perda tão grande quanto a de Bankman-Fried. No entanto, a dupla provavelmente perdeu 100% do valor de sua participação acionária na bolsa.

O atleta e sua ex-mulher não são os únicos grandes nomes a provavelmente sofrer perdas com o FTX. A empresa também tem laços comerciais com a superestrela da NBA Steph Curry e o arremessador de beisebol profissional Shohei Ohtani. Além disso, a FTX é a principal patrocinadora da Major League Baseball (MLB) e tem os direitos de nomeação da arena do Miami Heat.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.