Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Jorge Mesquitta explica o processo de preparação e detalha desafios da série Até Onde Ela Vai

Ator elogia parceria com Felipe Cunha e Louise Clós na produção exclusiva do Univer Vídeo

Famosos e TV|Gabriel Alberto, do R7

Jorge Mesquitta interpreta Mateus em Até Onde Ela Vai
Jorge Mesquitta interpreta Mateus em Até Onde Ela Vai Jorge Mesquitta interpreta Mateus em Até Onde Ela Vai (Reprodução/Instagram)

Após viver Nebate em Reis, Jorge Mesquitta tem um novo desafio em Até Onde Ela Vai, série exclusiva do Univer Vídeo. Na nova produção da Seriella Productions, o ator interpreta Mateus e se envolve com a protagonista Bárbara (Louise Clós). 

Jorge revela que o personagem se encanta por Bárbara quando a conhece no trabalho.

“O Mateus é muito tímido, e se apaixona à primeira vista. Há um interesse, mas ele não tem a proatividade”, confidenciou em entrevista ao R7.com

“Ele é mais reservado, sensível e criado pela mãe. E, pelo contexto em que ele se coloca, não teve tanto contato com o pai. Acredito que houve algum rompimento ali e, por isso, a mãe tem uma projeção muito grande em cima dele”, explicou Jorge.

Publicidade

Para o ator, Mateus vê em Bárbara a chance de ter uma família: “Ele quer realmente viver essa história”. 

Jorge contou como foi o trabalho com Andrea Avancini, responsável por preparar o elenco para contar a história de Até onde ela vai, que é baseada em fatos reais. 

Publicidade

“[A preparação] Foi muito maravilhosa. A Andrea é muito sensível e trabalha muito a escuta e a propriedade do texto”, destacou. 

Jorge destaca inocência no olhar de Mateus como um dos maiores desafios
Jorge destaca inocência no olhar de Mateus como um dos maiores desafios Jorge destaca inocência no olhar de Mateus como um dos maiores desafios (Arquivo Pessoal)

No entanto, um dos desafios do personagem foi a personalidade tímida, que está bem distante do perfil de Jorge. 

Publicidade

“O Mateus traz uma quase inocência no olhar, porque ele realmente se apaixona e fica encantado pela Bárbara. O meu desafio era trazer essa pureza. E [tive que] ter esse olhar com mais doçura”, detalhou. 

O ator também contou que conheceu o diretor da série, Felipe Cunha, durante as gravações de Reis — A Sucessão, quando interpretou Nebate. 

“Conheci Felipe em uma gravação com a Dani Moreno [a Zerua]. Era uma cena com os três, com uns quatro minutos de texto, e deu tudo certo de primeira. Uma semana depois, ele me ligou e perguntou se eu já tinha terminado de gravar Reis, pois tinha pensado em mim para um personagem”, relembrou. 

Ator destaca importância da preparação e elogia trabalho de Felipe Cunha
Ator destaca importância da preparação e elogia trabalho de Felipe Cunha Ator destaca importância da preparação e elogia trabalho de Felipe Cunha (Reprodução/Instagram)

Jorge aproveitou para elogiar o talento do diretor e ressaltou a sensibilidade de Felipe na condução do set de gravação e na relação com o elenco.

“O Felipe vai ser um dos melhores diretores do Brasil, ele tem muita sensibilidade para falar com o ator. Na preparação, ele esteve presente e foi um privilégio, nos abriu possibilidades de leitura para chegar o mais próximo dessa realidade”, contou.

Sobre a parceria com Louise, Jorge é pura gratidão e só elogios para a parceira de cena:

“É uma grande atriz, conversamos muito sobre ficar à vontade e ter essa confiança. Louise é muito generosa, me ouve e proporciona muitas trocas”, garantiu.

Fique ligado! Até onde ela vai estreia dia 11 de março no Univer Vídeo.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.