Famosos e TV José de Abreu pede prisão de Roger Moreira, do Ultraje a Rigor, em investigação no TSE: 'QI de ostra'

José de Abreu pede prisão de Roger Moreira, do Ultraje a Rigor, em investigação no TSE: 'QI de ostra'

O cantor é um dos investigados na ação sobre a disseminação de notícias falsas a respeito do sistema eleitoral brasileiro

  • Famosos e TV | Do R7

Resumindo a Notícia
  • José de Abreu pediu a prisão de Roger Moreira.

  • Músico é investigado por suposta disseminação de notícias falsas.

José de Abreu pede a prisão de Roger Moreira

José de Abreu pede a prisão de Roger Moreira

Reprodução/Instagram

José de Abreu usou as redes sociais para pedir a prisão de Roger Moreira, vocalista da banda Ultraje a Rigor. O ator se manifestou após saber que o cantor é um dos investigados nas ações movidas pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) contra o ex-presidente Jair Bolsonaro.

Roger Moreira é um grande apoiador de Bolsonaro e foi alvo de uma das 16 ações que a corte move contra o ex-presidente. O cantor é investigado por suposta disseminação nas redes sociais de notícias falsas sobre o sistema eleitoral brasileiro.

• Compartilhe esta notícia no WhatsApp
• Compartilhe esta notícia no Telegram

No Twitter, José de Abreu compartilhou uma notícia sobre o caso e pediu a prisão do roqueiro. "Cadeia pro QI de ostra", disse o ator.

O vocalista do Ultraje a Rigor já se defendeu nas redes sociais. Ele se declarou inocente e criticou o atual presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e quem votou no petista para a Presidência. "Para quem votou no verme ver o tamanho da merda que fizeram. Jogaram-nos numa ditadura onde um simples músico é investigado junto com o ex-presidente. Ambos inocentes, diga-se de passagem", declarou.

.

Últimas