Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Junno Andrade assume paternidade de filho de quase 40 anos após exame de DNA

O marido de Xuxa Meneghel lamentou ter sido privado da infância e juventude de Eduardo Tadeu Mattos de Oliveira

Famosos e TV|Do R7

Junno Andrade está há mais de dez anos com Xuxa
Junno Andrade está há mais de dez anos com Xuxa Junno Andrade está há mais de dez anos com Xuxa

Nesta sexta-feira (29), Junno Andrade assumiu a paternidade de Eduardo Tadeu Mattos de Oliveira, de quase 40 anos. Em 2021, o ator respondia a um processo de reconhecimento de paternidade na Justiça. Na época, Eduardo tentou um exame de DNA, mas Junno não o fez.

Em uma nota enviada ao R7, a equipe jurídica do marido de Xuxa Meneghel confirmou a paternidade depois da realização do teste e deu detalhes do caso. 

Em um dos trechos do documento, eles justificaram a demora na confirmação da paternidade e afirmaram que o caso "se estendeu em razão da dificuldade do filho em comparecer aos exames laboratoriais marcados anteriormente pela Justiça do Mato Grosso". 

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Publicidade

Compartilhe esta notícia no Telegram

A equipe jurídica ainda lamentou o fato de o ator "ter sido privado da infância e juventude de seu filho" e afirmou que Junno pretende recuperar o tempo perdido e assumir a posição de pai.

Publicidade

Leia a nota na íntegra:

Após a divulgação da investigação de paternidade proposta pelo Sr. Eduardo Tadeu Mattos de Oliveira em diferentes colunas nos últimos anos, em atenção a seus fãs, familiares e amigos, a equipe de Junno Andrade vem a público informar que o imbróglio relacionado à dúvida sobre a paternidade chegou ao fim.

Publicidade

No dia 28/9/2023, o laudo técnico de exame de DNA atestou a existência de compatibilidade genética e, consequentemente, a paternidade de Junno Andrade em relação ao Sr. Eduardo Tadeu Mattos de Oliveira.

No âmbito judicial, a dúvida quanto à paternidade se estendeu em razão da dificuldade do filho em comparecer aos exames laboratoriais marcados anteriormente pela Justiça do Mato Grosso.

A conclusão do exame pericial realizado no processo judicial de investigação de paternidade que tramita na 2ª Vara Especializada em Família e Sucessões de Cuiabá-MT põe fim a uma situação de indefinição e dúvida suportada pelo Sr. Eduardo e pelo próprio Junno há mais de 30 (trinta) anos.

Com a superação da dúvida que surgiu em razão da ação proposta em 2020  ano em que o Sr. Eduardo alcançou a idade de 36 anos , o Junno reconhece e assume a sua responsabilidade como pai e agirá de modo a recuperar ou acomodar adequadamente sua posição de pai.

Com isso, a presente nota tem como objetivo esclarecer os fatos, e também lamentar o fato do Junno ter sido privado da infância e juventude de seu filho.

Pelé, Ayrton Senna e Luciano Szafir: com quem Xuxa namorou em 60 anos de vida? 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.