Kylie Jenner teria mentido sobre ser bilionária, diz revista

Empresária, que possui linha de cosméticos, pode ter forjado declarações de imposto de renda para ser considerada a jovem mais rica de 21 anos

Kylie Jenner teria mentido sobre ser milionária

Kylie Jenner teria mentido sobre ser milionária

Reprodução/Instagram

Kylie Jenner está sendo acusada pela revista Forbes de ter mentido sobre a quantidade de dinheiro da empresa de cosméticos, Kylie Cosmetics, e, até mesmo, de ter forjado documentações para comprovar uma renda que, supostamente, é falsa.

A suspeita da revista, publicada nesta sexta-feira (29), começou quando a empresária vendeu sua marca para a linha de cosméticos Coty, em janeiro, por R$ 1,2 bilhão. Com o desconto pelos impostos, ela teria recebido, aproximadamente, R$ 340 milhões. 

Dessa forma, a revelação era de que a empresa valia menos do que havia sido declarado.

A empresa Coty, segundo a revista, diz que Kylie Cosmetics rendeu R$ 177 milhões em 2019, em vez de R$ 330 milhões, conforme haviam publicado em anos anteriores.

Kylie, inclusive, já se pronunciou sobre a polêmica. "Eu pensei que a Forbes era um site respeitável. Tudo o que vejo são várias declarações imprecisas e suposições não comprovadas. Eu nunca pedi nenhum título ou tentei mentir sobre algo", falou antes de questionar sobre supostas adulterações em papeladas de declarações de renda. "Essa é a sua prova? Você apenas pensou que eles [os documentos] foram forjados?", indagou.

Ela também falou que "existem coisas mais importantes no mundo agora sobre saber quanto dinheiro Kylie tem."

A empresária foi considerada a jovem de 21 anos mais rica do mundo em 2019 pela revista Forbes. Na época, a mãe de Stormi, teria uma fortuna avaliada em R$ 1 bilhão.