Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Um recado para Luana Piovani, que insiste em exibir seus probleminhas e expor seus filhos

Já passou do limite a maneira com que a atriz transforma sua vida pessoal em espetáculo

Famosos e TV|Marco Antonio Araujo, do R7

Pedro Scooby e os filhos, Dom, Liz e Bem, do casamento com Luana Piovani
Pedro Scooby e os filhos, Dom, Liz e Bem, do casamento com Luana Piovani Pedro Scooby e os filhos, Dom, Liz e Bem, do casamento com Luana Piovani

Impossível existir um brasileiro que não saiba do barraco que envolve Luana Piovani, seu ex-marido Pedro Scooby e os três filhos do casal que se separou em 2019.

A linguagem culta não dá conta desse triste espetáculo, que parece vingança, mesquinharia, falta de pudor.

Estamos cansados de acompanhar fofocas que envolvem gente famosa e subcelebridades. As redes sociais vivem basicamente disso, observar os subterrâneos da alma humana e, evidentemente, traçar as mais cruéis e impiedosas opiniões.

Eu parto do princípio de que cada um deve tratar de sua vida. E não julgar, para não ser julgado. Mas o que a atriz fez e continua a fazer chegou a um ponto tão estranho que, de forma quase patológica, ela expõe sua vida privada de maneira intencional.

Publicidade

Já que ela insiste nesse desnudamenteo de seus pequenos problemas pessoais, aí, então, é o caso de entrar no meio dessa baderna e falar: moça, para que tá feio.

Luana Piovani: novelinha repetitiva e chata
Luana Piovani: novelinha repetitiva e chata Luana Piovani: novelinha repetitiva e chata

Que tal mandarmos ela cuidar de sua própria vida? Ninguém é obrigado a suportar essa novelinha, cujos capítulos (repetitivos, banais, chatos) nos chegam diariamente. Vai trabalhar, Luana, e para de se colocar como vítima.

Até porque, querida, você não se enquadra no perfil de milhares de mães que diariamente sofrem com o machismo de nossa sociedade, com pais irresponsáveis e ausentes ou, pior, com a violência que costuma marcar a vida das mulheres que precisam educar e alimentar seus filhos sem ajuda de ninguém — muito menos das redes sociais.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.