Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Entretenimento – Música, famosos, TV, cinema, séries e mais
Publicidade

Victor Meyniel se pronuncia após ser agredido em portaria de prédio: 'Nada sairá impune'

O ator e humorista agradeceu as mensagens de apoio e disse que a justiça já está sendo feita

Famosos e TV|Do R7

Victor Meyniel agradeceu apoio com post na web após ser agredido no Rio de Janeiro
Victor Meyniel agradeceu apoio com post na web após ser agredido no Rio de Janeiro Victor Meyniel agradeceu apoio com post na web após ser agredido no Rio de Janeiro

O ator e humorista Victor Meyniel se pronunciou nas redes sociais após ser agredido, no último sábado (2), na portaria de um prédio em Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro. "Está tudo bem, na medida do possível, [estou] me recuperando fisicamente e emocionalmente com uma rede de apoio infinita", escreveu ele.

"Queria agradecer todas as mensagens que tenho recebido de carinho e apoio nesse momento. Ontem, foi um dia de um novo ciclo pra mim e aproveitei para me cercar de pessoas queridas e de muito amor! A justiça está sendo feita, nada sairá impune. Obrigado mais uma vez pelo compadecimento de todos comigo. Não somos um só", completou.

O suspeito, que mentiu para a polícia dizendo que era médico militar, está preso, e o porteiro que trabalha no edifício e viu a cena vai responder por omissão de socorro. 

De acordo com informações da Record TV Rio, a história começou quando Yuri de Moura Alexandre, o agressor, e Victor, a vítima, se conheceram em uma boate na noite anterior ao incidente. Yuri convidou Victor para ir ao apartamento dele.

Publicidade

A noite corria normalmente até que uma amiga do suspeito chegou e viu os dois. A partir desse momento, o homem começou a ser ríspido com o humorista e o expulsou do local.

· Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Publicidade

· Compartilhe esta notícia no Telegram

Victor desceu para a portaria pelo elevador, e o agressor foi atrás, pela escada. Ao chegar, o ator foi agredido com diversos socos, e o momento foi flagrado pelas câmeras de segurança do edifício.

Publicidade

No vídeo, também é possível ver o porteiro imóvel diante das agressões. De acordo com a delegada Débora Rodrigues, ele vai responder por omissão de socorro, mas provavelmente não será preso.

O homem, que está preso no presídio de Benfica, na zona norte, responde pelos crimes de lesão corporal, falsidade ideológica e injúria homofóbica.

De queda no palco a acidente aéreo: celebridades superam tragédias e dão a volta por cima

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.