Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Entretenimento – Música, famosos, TV, cinema, séries e mais
Publicidade

Carolina Fregulia ensina como não ser biscoiteira nas redes sociais

Carolina Fregulia acredita que tentar aparecer a qualquer custo revela uma falha na personalidade da pessoa.

Lorena|Do R7

Carolina Fregulia ensina como não ser biscoiteira nas redes sociais
Carolina Fregulia ensina como não ser biscoiteira nas redes sociais Carolina Fregulia ensina como não ser biscoiteira nas redes sociais

Com certeza você já ouviu falar nos termos “biscoiteiro” ou "biscoiteira'', não é mesmo? No meio das redes sociais, ele é atribuído para quem faz de tudo para chamar a atenção e ganhar likes. Formada em análise comportamental e expert em relacionamentos, Carolina Fregulia acredita que tentar aparecer a qualquer custo revela uma falha na personalidade da pessoa. “É uma tentativa fracassada de preencher o lado de dentro, mas esse é um meio medíocre e imprestável”, afirma.

Com mais de 290 mil seguidores nas mídias sociais, Carolina Fregulia quer fazer parte da transformação da mentalidade feminina, mostrando os caminhos corretos para mulheres que sofreram e sofrem com relacionamentos ruins. Para a também influenciadora, ser “biscoiteira” não vai render bons frutos.

“Não fique postando só fotos de si mesma. Selfies, fotos de biquíni sem contexto algum ou até mesmo fotos que têm como único foco mostrar o corpo. É preciso focar na experiência e não na aparência. Stories com direito a caras e bocas, também não é nada legal. Os homens podem até responder seus stories, mas nem queiram saber o que eles pensam disso. Dá até uma vergonha alheia, né?”, questiona.

Caixinhas de perguntas são uma ótima ferramenta de interação, mas para a profissional elas devem ser usadas da maneira correta. “O propósito delas não é só para inflar o seu ego e para ficar recebendo ‘cantada de pedreiro’. Ou seja, aquelas caixinhas com elogios, como "Linda", "Casa comigo", "Está cada dia mais perfeita", não devem sequer serem compartilhadas”, aconselha.

Publicidade

Mas o que você pode fazer para continuar chamando atenção nas redes sociais sem ser “biscoiteira”? Carolina Fregulia indica compartilhar conteúdos que mostrem sua vida social e hábitos do dia a dia. “Atividades físicas que pratica, autocuidado, momentos em que está preparando uma refeição ou tomando um vinho, um livro que está lendo, uma série que está assistindo, momentos que te conectam com a natureza ou com a espiritualidade, companhia de amigas, pode ser um café, idas ao cinema e shows”, detalha. 

Foto Destaque: Reprodução

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.