Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Música
Publicidade

Burt Bacharach, compositor de clássicos como 'I Say a Little Prayer', morre, aos 94 anos

Artista norte-americano ganhou oito prêmios Grammy e três Oscars na carreira

Música|Do R7


Burt Bacharach com um Grammy que ganhou em 2006
Burt Bacharach com um Grammy que ganhou em 2006

O compositor, cantor e produtor musical norte-americano Burt Bacharach morreu por causas naturais nesta quarta-feira (8), aos 94 anos, em Los Angeles. Ele ganhou oito prêmios Grammy e três Oscars na carreira. 

Entre os sucessos de Bacharach estão I Say a Little PrayerWalk on by, What the World Needs Now Is Love eThis Guy’s in Love with You, entre outros.

Bacharach ganhou dois Oscars pelo filme Butch Cassidy, de 1969: Melhor Trilha Sonora e Melhor Canção, por Raindrops Keep Fallin’ on My Head, outro grande sucesso de sua carreira. O terceiro Oscar aconteceu em 1982, de Melhor Canção com o tema do filme Arthur: O Milionário.

Ao lado do parceiro Hal David, Bacharach se popularizou nos anos 60 com músicas interpretadas por grandes artistas, como Aretha Franklin, Dionne Warwick, Dusty Springfield e Tom Jones.

Publicidade

“As suas canções são muito mais musicais do que as coisas que escrevemos, e muito mais técnicas", disse o beatle Paul McCartney em entrevista à revista Newsweek em 1965.

Burt Bacharach era conhecido por suas baladas românticas e melancólicas, que cruzavam a fronteira entre o jazz e o pop. As músicas tinham arranjos orquestrais primorosos e conquistaram o primeiro lugar das paradas nos EUA e no Reino Unido.

Publicidade

Pianista de jazz apaixonado, Bacharach nasceu em 12 de maio de 1928 em Kansas City, no Missouri, e estudou a arte da composição em várias universidades americanas. Após cumprir o serviço militar obrigatório, a lendária cantora e atriz alemã Marlene Dietrich o contratou como arranjador e diretor musical para suas turnês.

Em 1957, conheceu o letrista Hal David, falecido em 2012, com quem formou uma das parcerias de maior sucesso de todos os tempos na indústria da música. Quatro anos depois, durante uma sessão de gravação, eles descobriram uma jovem corista que se tornou a porta-estandarte de suas composições: Dionne Warwick.

Entre 1962 e 1968, eles escreveram 15 títulos que foram direto para o Top 40 americano. A dupla de compositores também foi aclamada por Hollywood. Mas em 1973 uma disputa financeira estourou entre os dois artistas. Por dez anos, eles só se falaram por meio de advogados e nunca mais trabalharam juntos.

Criticada por novo visual, Madonna acumula transformações na carreira

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.