Música 'Ele se confunde com minha vida', diz João Bosco sobre Aldir Blanc

'Ele se confunde com minha vida', diz João Bosco sobre Aldir Blanc

Parceiro de Aldir no clássico 'O Bêbado e o Equilibrista' ainda escreveu que vai continuar interpretando as canções do amigo 'até onde tiver forças'

  • Música | Do R7

Aldir e João: parceria rendeu clássicos como 'O Bêbado e o Equilibrista'

Aldir e João: parceria rendeu clássicos como 'O Bêbado e o Equilibrista'

Fábio Motta/Estadão Conteúdo

Aldir Blanc morreu, nesta segunda-feira (4), aos 73 anos. Ele marcou história como um dos maiores compositores do Brasil.

O artista estava no Hospital Universitário Pedro Ernesto, em Vila Isabel, zona norte do Rio de Janeiro, e não resistiu à covid-19.

Na internet, amigos, fãs e famosos lamentaram a morte do poeta da MPB.

O cantor e violonista João Bosco, parceiro em diversas obras, está arrasado com a notícia e escreveu nas redes que não tinha condições de falar pessoalmente sobre o assunto. Uma das canções mais famosas da dupla Aldir e João é O Bêbado e o Equilibrista, imortalizada na voz de Elis Regina, no disco Essa Mulher, em 1979. 

No Instagram do cantor, um texto emocionado informou que 'Aldir se confunde com a vida de João'. Além disso, o compositor ainda lamenta que 'hoje é um dos dias mais dífíceis da minha vida'.

- Perco o maior amigo, mas ganho, neste mar de tristeza, uma razão para viver: quero cantar nossas canções até onde tiver forças.

Veja texto completo:

Últimas