Cantora cega sofre golpe absurdo de motorista do Uber; entenda o caso

Homem usou celular da passageira para dar a si mesmo uma baita gorjeta

Motorista de Uber

Motorista de Uber

Tenho Mais Discos Que Amigos
Foto de Stock via Shutterstock Um caso pra lá de absurdo envolvendo a Uber ganhou a atenção da mídia britânica nos últimos dias. Uma cantora de ópera chamada Victoria Oruwari, que é cega, relatou um golpe sofrido por um motorista do aplicativo em junho do ano passado. De acordo com a artista, ela pediu uma viagem da London Bridge até Croydon, em Londres, quando a situação aconteceu. Victoria conta que Cornel Mihai pediu para usar o GPS de seu celular alegando que o dele 'não estava funcionando'. Logo ao fim da viagem, o rapaz finalizou a corrida e deu uma nota de 5 estrelas usando o app da moça -- além de uma gorjeta de nada mais, nada menos que 20 libras (aproximadamente 110 reais). Oruwari entrou com uma ação contra a empresa e Mihai, que foi preso e precisou pagar uma fiança para sair da cadeia. Em comunicado, ela disse (via Telegraph): Alguém em uma posição de responsabilidade se aproveitou de mim e o veredicto reforça que esse tipo de comportamento é inaceitável. As pessoas têm que sobreviver na vida e precisamos poder confiar. Essa posição de responsabilidade não deve ser abusada dessa forma. Que coisa feia! Victoria Oruwari A cantora nigeriana foi finalista da competição All Together Now, da BBC, em 2018. LEIA TAMBÉM: HAHA! Esse motorista de Uber surtou ao 'perder' passageiro e áudio viralizou