Documentário sobre possível assassinato de Brian Jones (Rolling Stones) ganha trailer

Filme foca na possibilidade de que o guitarrista tenha sido assassinado em sua casa

Reprodução/YouTube Rolling Stone: Life and Death of Brian Jones acaba de ganhar seu primeiro trailer, que você assiste ao fim da matéria. O documentário tem como foco a possibilidade de que Brian Jones, lendário guitarrista original do Rolling Stones, tenha sido assassinado. O músico morreu após um suposto afogamento acidental em sua casa, aos 27 anos, em 1969. No trailer, é possível ouvir os entrevistados falando até em uma tática para 'derrubar' a banda com a morte de Jones. A maioria acha pouco provável que ele tenha realmente se afogado na própria piscina, e também aborda o uso pesado de drogas do músico. A sinopse do documentário diz: Em meados dos anos 60, Brian Jones emergiu como 'o rosto' e o garoto propaganda da cena boêmia de Swingin em Londres, liderando as paradas com os Rolling Stones e a modelo/atriz Anita Pallenberg. No entanto, seu estilo de vida excessivo e sua reputação como 'o bad boy original do Rock & Roll' custariam caro a ele. À medida que a cena se transformava em uma viagem de ácido em 1967, Brian também [fez o mesmo]. Alvo das autoridades e da mídia, ele saiu do controle, perdendo Anita e o respeito dos Stones. Dois anos depois, Brian foi encontrado no fundo de sua piscina, o veredicto: morte por acidente. Durante os últimos 50 anos, muitas teorias surgiram, alegando que Brian foi assassinado e que foi encoberto em alto nível, como esse filme descobre -- a evidência para isso é extremamente convincente. O documentário tem direção do espanhol Danny Garcia, que já trabalhou em projetos sobre bandas como The Clash, Sex Pistols e mais. As exibições do filme já começaram, mas ainda não se sabe quando estará disponível para assistir on demand ou em streaming. Confira o trailer abaixo. Rolling Stone: Life and Death of Brian Jones https://www.youtube.com/watch?v=E96ZOaesGoQ&feature=emb_title