Ozzy Osbourne revela vocalista favorito do AC/DC e esnoba o Van Halen

Em entrevista, músico ainda relembrou turnê do Black Sabbath ao lado da banda australiana

Ozzy Osbourne Documentário

Ozzy Osbourne Documentário

Tenho Mais Discos Que Amigos
Reprodução/Vimeo Ozzy Osbourne se derreteu em elogios pelo AC/DC em uma entrevista recente e ainda deu declarações polêmicas. Em conversa com o podcast Broken Record, Osbourne relembrou um show de 1971 do Black Sabbath para o qual a banda australiana fez abertura. Segundo o músico, o grupo mandou ver durante o show -- Ozzy ainda revelou sua admiração pelos membros. Ainda na conversa, o Príncipe das Trevas declarou que seu vocalista preferido é Bon Scott, que morreu em 1980. Eu amo o AC/DC, eles eram ótimos. Bon Scott era um ótimo cantor. Quero dizer, Brian [Johnson] é também, mas eu prefiro Bon. Eles abriram para o Black Sabbath em 1971, eu acho, em Sydney, na Austrália. Angus [Young, guitarrista], ele tocou pra caramba -- é disso que eu gosto neles: não há ninguém que chegue a esse nível de ritmo do Angus Young. Você podia balançar a cabeça o dia todo e a noite e não se cansar. Eles arrasavam. Quando eu estava no Sabbath, eu costumava dizer: 'Por que não tentamos fazer um tipo de riff igual o deles?' Porque ele é o homem do riff, [o Tony Iommi], ele poderia ir aonde quisesse. O Sabbath tentaria estragar tudo. O que faríamos, enviaríamos qualquer coisa remotamente comercial, que não fosse meu estilo. Ainda durante a entrevista, Ozzy declarou que 'não liga' para o Van Halen, com quem também já tocou, e falou sobre o período anterior à sua demissão da banda. Eu nunca liguei para o Van Halen. Na última turnê do Black Sabbath [antes de ser demitido] - estávamos brigando entre si, lutando contra o mundo, e isso foi tão bom. Nós precisávamos de uma pausa.