Pouco antes da morte, Dimebag Darrell disse que iria reunir o Pantera

Em podcast, amigo revela que guitarrista disse que "faria tudo que fosse possível" para armar a reunião

Dimebag Darrell com o Pantera em 2001

Dimebag Darrell com o Pantera em 2001

Tenho Mais Discos Que Amigos
Foto de Dimebag Darrell via Shutterstock No dia 08 de Dezembro de 2004, o guitarrista Dimebag Darrell foi morto enquanto fazia música. Apresentando-se com a banda Damageplan, que havia formado ao lado do irmão e baterista Vinnie Paul após a dissolução do Pantera, o cara foi baleado aos 38 anos de idade logo na primeira canção de um show que acontecia em Columbus, Ohio, não resistiu aos ferimentos e deixou o mundo do Heavy Metal em estado de choque. Tendo encerrado as atividades em 2003, muito se falou sobre como o Pantera poderia voltar e essa era uma dúvida que estava na cabeça de todos, já que o grupo é um dos mais influentes da história do rock pesado.   Dimebag Darrell e Reunião do Pantera https://www.youtube.com/watch?v=lYj_aen4eY8 Pois novas informações dão conta de que a reunião não apenas iria acontecer como Dimebag iria 'fazer o que fosse necessário' para que ela saísse 'do jeito certo'. Quem disse isso foi Daryl 'Bobby Tongs' Arnberger, que participou do podcast Landry.audio e falou a respeito do assunto. Amigo próximo de Darrell, da banda e diretor de videoclipes, o cara falou sobre inúmeros aspectos da carreira do Pantera, desde o início no glam rock até a separação em 2003, e revelou uma conversa com o guitarrista apenas um mês antes da sua morte: A última vez que eu o vi foi em Novembro de 2004. Eu fui até a casa dele e falamos rapidamente sobre tudo. Ele falou tipo, 'Nós iremos sair com essa turnê [do Damageplan] em Dezembro e vou te ver no Natal e tudo mais. Depois disso, teremos novas coisas rolando. E não será isso. Custe o que custar, iremos reunir esses caras e fazer as coisas do jeito certo. Daryl ainda completou dizendo que ele 'faria tudo que podia para que a reunião acontecesse. Ele já tinha acabado tudo que estava pendente nessa altura do campeonato. Ele queria seguir em frente e voltar para o Pantera.