Presidente do Grammy é afastada uma semana antes da premiação

Deborah Dugan foi acusada de “má conduta” pela Academia

Troféus do Grammy

Troféus do Grammy

Tenho Mais Discos Que Amigos
Tensão no Grammy Awards apenas uma semana antes da premiação acontecer. Deborah Dugan, que assumiu o posto de presidente em agosto do ano passado, foi afastada de seu cargo. A Academia de Gravação alega que está fazendo investigações sobre uma possível “má conduta”. Sem dar muitos detalhes, o advogado de Dugan prometeu resposta e uma versão diferente dos fatos. Em fala ao The New York Times (via Pitchfork), Bryan Freedman disse: O que foi relatado não é nem metade da história que precisa ser contada. Quando nossa capacidade de falar não for restringida por um contrato de 28 páginas e ameaças legais, exporemos o que acontece quando você ‘intensifica’ a Academia, uma organização pública sem fins lucrativos. Eita… Ainda de acordo com o advogado, o Grammy estaria enfrentando problemas com dívidas, votações fraudulentas e mais. Quem substitui Deborah durante o afastamento é Harvey Mason Jr., um dos membros do conselho da premiação. Grammy A edição deste ano acontece no dia 26 de janeiro. Confira a lista de indicados clicando aqui.