Vagalume Coldplay presta tributo a Elton John no último show do pianista

Coldplay presta tributo a Elton John no último show do pianista

Banda tocou "Rocket Man" em sua apresentação entrou com link ao vivo na performance do pianista

Vagalume
Vagalume

Vagalume

Vagalume

Elton John fez no sábado (8) o último show de sua carreira, ao menos como parte de uma grande turnê, em Estocolmo, na Suécia. Ao mesmo tempo, só que em Gotemburgo, quem também estava se apresentando no país era o Coldplay, para o primeiro de quatro shows na cidade. Chris Martin aproveitou a coincidência de datas para prestar tributo ao grande mestrte da música pop.

Durante uma cover de "Rocket Man", ainda na parte inicial do concerto, um link foi criado entre os dois shows e Martin pôde agradecer ao pianista por tudo de bom que ele fez para a música e não só.

"Elton, de todos nós aqui, de todas as bandas e todos os artistas que você amou, inspirou e ajudou, nós simplesmente amamos muito você”, disse. “Somos muito gratos por tudo que você fez por nós, tudo que fez pela AIDS Foundation. Toda vez que você foi gentil com alguém. “Por tudo que fez pela população LGBTQ.

Tudo o que fez pela moda e os óculos, pela sensualidade, amor e roupões e pela música. Tudo o que Bernie (Taupin, o letrista das canções do músico) fez pelas letras, tudo o que sua banda fez nos milhares de shows que realizou. Nós te amamos muito. Feliz aposentadoria e sentiremos demais a sua falta”, falou.

Veja:

Clique para ver no Vagalume

O show do quarteto ainda seguiu por bastante tempo, enquanto o de Elton se encerrou com mais duas músicas. Antes de "Goodbye Yellow Brick Road", o pianista também agradeceu a todos os que o acompanharam nessa longa jornada de mais de cinco décadas. Elton deixou claro que a despedida é das grandes turnês, deixando o caminho aberto para novos discos e/ou músicas, e shows pontuais.

Vagalume

Vagalume

Vagalume

“Eu tive a carreira mais maravilhosa, foi inacreditável”, disse ao público. “Cinquenta e dois anos de pura alegria fazendo música (ele se referia à primeira visita dele à Suécia). Quão sortudo eu sou por fazer música? Mas, eu não estaria sentado aqui e conversando se não fosse por vocês.

Vocês compraram os singles, os CDs, os álbuns, as fitas cassete, mas o mais importante, compraram ingressos para os shows. Vocês sabem o quanto eu amo tocar ao vivo. Tem sido minha força vital tocar para vocês, que têm sido absolutamente magníficos.

Eu nunca mais estarei em turnê, mas posso fazer algo no futuro – algo pontual – mas isso está a quilômetros de distância. Quero valorizar minha família, meus filhos, meu marido, tudo. Eu mereço. E não me arrependo desta noite. Quero agradecer à banda, à equipe, a todos. Vou sentir muito a falta de vocês, mas nos veremos muito mais cedo do que pensam. Eu os amo."


Clique para ver no Vagalume

Fonte: Vagalume
Últimas