Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Nitro
Publicidade

Demissões atingem estúdio da Sony em San Diego

A onda de demissões que tem afetado a indústria de games mundialmente em 2023 chegou à Sony, que enxugou a equipe do PlayStation...

Outer Space|Do R7

Demissões atingem estúdio da Sony em San Diego
Demissões atingem estúdio da Sony em San Diego Demissões atingem estúdio da Sony em San Diego

A onda de demissões que tem afetado a indústria de games mundialmente em 2023 chegou à Sony, que enxugou a equipe do PlayStation Studios Visual Arts, uma de suas unidades de desenvolvimento em San Diego.

O PlayStation Studios Visual Arts é um estúdio de suporte que trabalha em conjunto com outras unidades da Sony, como a Naughty Dog, na criação principalmente de ativos gráficos como arte e animação. O estúdio recentemente ajudou a criar o remake Last of Us Part 1.

Embora a Sony não tenha anunciado publicamente as demissões, o site VGC observa que vários funcionários do estúdio deixaram seus cargos na última semana. Entre eles está o ex-designer de nível sênior Daniel Bellemere, que comentou: “Infelizmente, após uma onda de demissões na semana passada foi minha última na PlayStation. Embora esta certamente não seja a notícia que eu esperava, estou grato por ter tido a oportunidade de trabalhar com colegas extremamente talentosos em projetos incríveis e estou saindo com boas lembranças do meu tempo lá”.

O perfil de Bellemere no LinkedIn indica que ele estava trabalhando em um projeto não anunciado, o que indica que as demissões não se deram simplesmente por término de contratos.

Publicidade

Outro ex-funcionário dispensado, Matt Barney, escreveu: “Adeus PlayStation/Sony Interactive Entertainment, foi real! Nos últimos meses, eu sabia que essa onda de demissões estava chegando. Eu amo o PlayStation e sempre amarei. Quero dizer, eu fiquei lá quando tive a chance de sair, então, obviamente”.

O artista Sean Teo, que trabalhou em The Last of Us Part 1, também comentou sobre sua dispensa: “Olá a todos, meu contrato com a PlayStation Visual Arts infelizmente chegou ao fim. Atualmente estou procurando uma nova função e sou flexível para trabalhar em videogames, filmes cinematográficos e trabalhos comerciais”.

Publicidade

A onda de demissões no setor de desenvolvimento de games já afetou alguns dos maiores estúdios do mundo, sendo um dos mais recentes o britânico Frontier Developments. Nos últimos meses foram anunciadas demissões na Team 17, Epic Games, CD Projekt Red, Creative Assembly, Mediatonic, Unity, Riot Games, Blizzard, Crystal Dynamics, Bioware, Striking Distance e Crystal Dynamics, além do fechamento do tradicional estúdio Volition, entre outros.

O post Demissões atingem estúdio da Sony em San Diego apareceu primeiro em Outer Space.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.