Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Nitro
Publicidade

“Situação é um desastre para nós”, diz chefe do Xbox sobre falta de jogos

O chefe do Xbox, Phil Spencer, definiu a situação da falta de jogos exclusivos do Xbox como “um desastre” em outro email descoberto...

Outer Space|Do R7

“Situação é um desastre para nós”, diz chefe do Xbox sobre falta de jogos
“Situação é um desastre para nós”, diz chefe do Xbox sobre falta de jogos “Situação é um desastre para nós”, diz chefe do Xbox sobre falta de jogos

O chefe do Xbox, Phil Spencer, definiu a situação da falta de jogos exclusivos do Xbox como “um desastre” em outro email descoberto no grande vazamento de ontem.

Em 7 de maio de 2022, Spencer discutiu o “buraco” na linha de jogos exclusiva do Xbox, que no cronograma da empresa seria de 16 meses desde o lançamento de Halo Infinite em 8 de dezembro de 2021. O executivo lamentou a situação, que ele chamou de “um desastre”, dado o alto investimento que a Microsoft havia feito em estúdios e conteúdo nos últimos anos.

“Com a notícia de que Starfield vai perde a época de feriados de final de ano (ainda não divulgada amplamente, vamos deixar Jamie cuidar disso), ainda não há muita clareza sobre a data de lançamento do desenvolvimento de Redfall e Stalker 2, tão impactado pela guerra na Ucrânia. Sinto que estamos em um grande buraco com nossa linha de jogos, tanto para marketing/diferenciação de plataforma quanto para nosso conteúdo Gamepass”, escreveu Spencer.

“Continuamos falando sobre um quarto AAA no serviço e parece que provavelmente passaremos por um intervalo de quase 16 meses entre grandes lançamentos exclusivos em nossa plataforma, sendo Halo Infinite o último em 8 de dezembro de 2021. Isso é realmente uma situação de desastre para nós, dado tudo o que investimos em conteúdo nos estúdios em nosso fundo de conteúdo GP (Game Pass). Precisamos aprender com isso e construir um plano para o futuro”.

Publicidade

Sobre o plano e as lições aprendidas, Spencer pareceu mais uma vez uma liderança desorientada e apenas tentou lembrar dos momentos melhores que o Xbox teve em 2021.

“Em termos de aprendizado, acho que precisamos melhorar muito o planejamento geral do portfólio de nossos jogos com verdadeira honestidade nas datas. Fazendo isso de memória, do verão de 2021 até dezembro de 21, tivemos uma linha incrível de jogos com FlightSim para console, Psychonauts 2, Age 4, Forza Horizon 5 e Halo. Houve bons jogos 3P nesse período, assim como Back 4 Blood. Estabelecemos um padrão muito alto em 2021 em termos de qualidade e ritmo de conteúdo, o que foi incrível de ver. Mas sair daquele ano sem grandes lançamentos exclusivos em 2022 é uma falha de planejamento de portfólio que não podemos permitir. Se precisarmos atrasar os lançamentos (compreendendo que isso tem um impacto financeiro) para criar batidas mais regulares para nós, precisamos fazer isso. Todos temos que compreender que a situação em que nos encontramos agora é uma falha no nosso planeamento e execução da produção”.

Publicidade

“Agora vamos arregaçar as mangas e planejar os próximos dois anos de jogos. Primeiro, precisamos construir uma lista precisa dos lançamentos de novos jogos nos próximos 24 meses com datas previstas. Por enquanto não quero encher esta lista com atualizações de conteúdo ou temporadas de jogos existentes. Precisamos de lançamentos. Vamos construir isso em 1P, 2P e 3P observando os lançamentos GP”, continuou o chefe do Xbox.

Na época, Spencer ainda apostava suas fichas no sucesso de Redfall, mostrando certo descolamento em relação à situação do desenvolvimento do jogo no Arkane Austin.

Publicidade

“Acho que veremos que nosso próximo grande lançamento de jogo será RedFall (espero). Não tenho conhecimento das datas do Stalker 2 mas vi que o estúdio atrasou por tempo indeterminado. Podemos conseguir outros jogos deles? Eu sei que o portfólio geral é bastante leve em relação ao 3P, mas vamos cavar. Também precisamos esclarecer nossas datas internas de lançamento”.

“Estou enviando isso agora porque sinto uma pressão real pelo Tamarind e como vamos aparecer em termos de datas. Será muito óbvio para a comunidade, tanto com a nossa falta de atualizações em tantos jogos quanto com a falta de clareza sobre quase tudo no programa, que estamos fora de posição. Preciso que trabalhemos isso como líderes. Já lidamos com situações difíceis antes, faremos isso de novo. Estou frustrado com o ponto onde estamos, mas vamos superar isso. O mais importante é construir um plano vencedor. Vamos lá”, encerrou Spencer.

Com o fiasco de Redfall e a recepção morna a Starfield, além do próprio vazamento dos planos do Xbox esta semana, este certamente não foi o último alerta de desastre feito por Spencer à sua equipe.

O post “Situação é um desastre para nós”, diz chefe do Xbox sobre falta de jogos apareceu primeiro em Outer Space.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.