Pop Pianista Beisembayev se diz "nas nuvens" após vencer competição de Leeds

Pianista Beisembayev se diz "nas nuvens" após vencer competição de Leeds

MUSICA-PIANISTA-PREMIO:Pianista Beisembayev se diz "nas nuvens" após vencer competição de Leeds

Reuters - Entretenimento

Por Mindy Burrows

LONDRES (Reuters) - O pianista cazaque Alim Beisembayev se iniciou na música quando escolheu um piano miniatura de brinquedo como presente de seu quinto aniversário.

Hoje com 23 anos, ele venceu a Competição Internacional de Piano de Leeds, um divisor de águas na carreira musical, derrotando quatro outros finalistas.

"Ainda estou voltando das nuvens... realmente é uma sensação maravilhosa", disse Beisembayev à Reuters nesta segunda-feira.

"Estou muito, muito, muito feliz, mas também (foi) inesperado. Estou ansioso pelo que virá a seguir".

Realizado a cada três anos, o concurso conhecido como The Leeds teve que mudar seu processo desta vez por causa da pandemia de Covid-19, realizando uma primeira rodada virtual em abril sem plateia ou júri presencial, com competidores se apresentando em locais diferentes diante de uma câmera.

As rodadas finais foram realizadas em Leeds, no norte da Inglaterra, e na sexta-feira Beisembayev tocou a "Rapsódia sobre um tema de Paganini, Op. 43" de Sergei Rachmaninov com a Orquestra Filarmônica Real de Liverpool diante de uma plateia ao vivo.

"A final foi inesquecível, e provavelmente ficará comigo pelo resto da minha vida só por tocar diante de uma plateia", disse ele.

Beisembayev, que estuda para obter um mestrado na Royal College of Music em Londres, é o primeiro pianista do Cazaquistão a conquistar o prêmio.

"Ele se destacou logo de início", disse Adam Gatehouse, diretor artístico do The Leeds.

Últimas