Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

'Retratos Fantasmas' é o escolhido do Brasil para tentar vaga no Oscar 2024

O filme, do cineasta pernambucano Kleber Mendonça Filho, foi o escolhido pela Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais

Entretenimento|

Longa-metragem foi lançado em agosto de 2023
Longa-metragem foi lançado em agosto de 2023 Longa-metragem foi lançado em agosto de 2023

O filme Retratos Fantasmas, do cineasta pernambucano Kleber Mendonça Filho, foi o escolhido pela Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais para representar o Brasil na disputa por uma indicação ao Oscar 2024 de Melhor Filme Internacional. O anúncio foi feito no fim da manhã desta terça-feira (12). Inicialmente, Retratos Fantasmas disputou a vaga com outros 28 longas-metragens inscritos e habilitados.

Na semana passada, o filme de Mendonça passou para o segundo turno ao lado de outras cinco produções: Estranho Caminho, de Guto Parente; Noites Alienígenas, de Sergio de Carvalho; Nosso Sonho  A História de Claudinho e Buchecha, de Eduardo Albergaria; Pedágio, de Carolina Markowicz; e Urubus, de Claudio Borrelli.

Classificado como um longa-metragem documental, Retratos Fantasmas é uma espécie de carta de amor de Mendonça a sua terra natal, Recife. Por meio sobretudo de fotografias, o diretor parte de sua história pessoal, com enfoque em sua mãe, para depois mostrar como o centro da capital pernambucana produziu memórias e cultura por meio dos cinemas de rua.

Em entrevista ao Estadão, o cineasta falou como isso se dá na tela. "Numa foto há pessoas que já foram, que já estiveram. Mas, no registro, elas estão ali. Num cinema, a dimensão fantasma é total: umas 50 mil pessoas passaram por aquelas salas. Ver a foto de uma sala de cinema é ter uma comunicação com uma outra realidade", explicou.

Publicidade

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Compartilhe esta notícia no Telegram

Publicidade

Retratos Fantasmas estreou na Seleção Oficial do Festival de Cannes e foi selecionado para mais de 30 festivais internacionais. Com a repercussão, a distribuidora americana do filme de Mendonça contratou a Cinetic Marketing, empresa líder na temporada de premiações e campanhas para o Oscar nos últimos anos. Em 2023, a Cinetic teve 18 vitórias para filmes que divulgou, incluindo a categoria de Melhor Filme Internacional.

Mendonça é diretor de outros longas de sucesso, entre eles O Som ao Redor (2013), Aquarius (2016) e Bacurau (2019).

7 filmes que ganharam o Oscar sem merecer

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.