Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Lobo-guará: saiba curiosidades do animal que está em risco de extinção

Especialistas comentam que um dos maiores canídeos da América do Sul tem visão noturna e é um excelente caçador

RPet|André Barbeiro*, do R7

Especialistas contam algumas curiosidades sobre o lobo-guará
Especialistas contam algumas curiosidades sobre o lobo-guará Especialistas contam algumas curiosidades sobre o lobo-guará

O Dia Nacional do Lobo-Guará é comemorado na próxima quinta-feira (12) e foi criado com o objetivo de sensibilizar a comunidade sobre a conservação do animal e do cerrado, bioma onde vive. Essa espécie está em risco de extinção, por conta da destruição que o seu hábitat natural tem sofrido. O bicho, apesar do nome e da semelhança, nada tem a ver com lobos ou raposas, ele é da família Canidae (canídeos), a mesma dos cachorros, dos quais apenas se diferenciam no gênero, em que estão classificados como Chysocyon, e os cães como Cannis.

Vitor Filiputti, professor, biólogo e administrador do canal Pido Biologia, explica as razões para a espécie estar sofrendo queda no número de espécimes. "Os principais fatores do risco de extinção são a destruição do cerrado, seu hábitat natural, por conta da expansão da agricultura, a caça, atropelamentos em rodovias que cortam áreas de cerrado e doenças trazidas pelo contato com animais domésticos."

O especialista em ciências da natureza e também biólogo Lucas Jaques de Oliveira conta que esses animais, que são os maiores canídeos da América do Sul e têm mais de 1 metro de altura e podem pesar 30 kg, têm uma dieta diversa.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp

Publicidade

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Compartilhe esta notícia no Telegram

Publicidade

"Eles têm preferência por se alimentar de pequenos mamíferos, aves, insetos, mas também podem comer frutas e vegetações", fala.

O professor comenta também que esses bichos são chamados de "lobos-de-crina", devido a sua pelagem do pescoço, que lembra a crina de um cavalo. "Além disso, eles também nascem com pelagem preta, que vai escurecendo aos poucos", comenta Filiputti.

Publicidade
Visão noturna e excelente caça são algumas das habilidades do animal
Visão noturna e excelente caça são algumas das habilidades do animal Visão noturna e excelente caça são algumas das habilidades do animal

Ele também afirma que os lobos-guará não são agressivos com seres humanos. "Inclusive, eles costumam fugir de nós."

"Eles têm uma visão noturna maravilhosa, o que os torna excelentes caçadores, e, como são predadores de topo, são importantíssimos para o ambiente em que vivem", detalha Oliveira sobre a participação do animal no ambiente onde vive.

O especialista, por fim, lembra que o lobo-guará ocupa um território grande para se alimentar, o que, para ele, é "um dos motivos de estarem em risco de extinção, visto que há uma perda considerável de território".

VEJA TAMBÉM: Comédia na vida selvagem: veja os cliques que disputam a final do divertido prêmio

*Sob a supervisão de Camila Juliotti

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.