Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Viva a Vida
Publicidade

Museu inusitado no Japão chama a atenção por ‘rostos’ em pedras

Flipar

Flipar|Do R7


Sabe quando uma forma diferente em uma nuvem ou um ladrilho esquisito lembra algum objeto ou algum rosto? Agora imagina se existisse um museu só disso!
Sabe quando uma forma diferente em uma nuvem ou um ladrilho esquisito lembra algum objeto ou algum rosto? Agora imagina se existisse um museu só disso! Flipar
No Japão, tem feito sucesso um museu especializado em colecionar pedras que se parecem com rostos humanos. Muitas têm buracos que se assemelham aos olhos, nariz e boca.
No Japão, tem feito sucesso um museu especializado em colecionar pedras que se parecem com rostos humanos. Muitas têm buracos que se assemelham aos olhos, nariz e boca. Flipar
Conhecido como Museu das Pedras Raras, o Museu Chinsekikan fica a duas horas de Tóquio, em Chichibu.
Conhecido como Museu das Pedras Raras, o Museu Chinsekikan fica a duas horas de Tóquio, em Chichibu. Flipar
Quem visitar o lugar, poderá ver mais de 1700 pedras com rostos em exposição.
Quem visitar o lugar, poderá ver mais de 1700 pedras com rostos em exposição. Flipar
A japonesa Yoshiko Hayama é a responsável pela manutenção do museu atualmente.
A japonesa Yoshiko Hayama é a responsável pela manutenção do museu atualmente. Flipar
A coleção de mais de 50 anos de seu ex-esposo, Shoji Hayama, que faleceu em 2010, foi o que deu origem ao museu, fundado em 1990.
A coleção de mais de 50 anos de seu ex-esposo, Shoji Hayama, que faleceu em 2010, foi o que deu origem ao museu, fundado em 1990. Flipar
Ao longo de mais de 50 anos, Shoji vasculhou o país em busca dessas formações rochosas únicas, muitas vezes carregando-as sozinho por longas distâncias.
Ao longo de mais de 50 anos, Shoji vasculhou o país em busca dessas formações rochosas únicas, muitas vezes carregando-as sozinho por longas distâncias. Flipar
O museu fica dividido em dois andares. No térreo, ficam as pedras mais famosas da coleção, incluindo
O museu fica dividido em dois andares. No térreo, ficam as pedras mais famosas da coleção, incluindo Flipar
Cada pedra possui uma placa com seu nome e uma breve descrição, além de uma história curiosa sobre como foi encontrada.
Cada pedra possui uma placa com seu nome e uma breve descrição, além de uma história curiosa sobre como foi encontrada. Flipar
No segundo andar, há uma variedade ainda maior de pedras, categorizadas por tema, como animais, objetos e até mesmo personagens históricos.
No segundo andar, há uma variedade ainda maior de pedras, categorizadas por tema, como animais, objetos e até mesmo personagens históricos. Flipar
Uma das pedras mais peculiares é associada ao “rei do rock”, Elvis Presley.
Uma das pedras mais peculiares é associada ao “rei do rock”, Elvis Presley. Flipar
O museu fica aberto das 10h às 17h (fechado às terças-feiras) e a entrada custa ¥400 (cerca de R$ 15).
O museu fica aberto das 10h às 17h (fechado às terças-feiras) e a entrada custa ¥400 (cerca de R$ 15). Flipar
Yoshiko contou que começou a vender pedras da coleção para pessoas em todo o mundo depois que elas ficaram populares na internet.
Yoshiko contou que começou a vender pedras da coleção para pessoas em todo o mundo depois que elas ficaram populares na internet. Flipar
Qualquer um pode encontrar mais informações no blog ou no Instagram do museu. Está tudo em japonês, mas nada que um tradutor não ajude.
Qualquer um pode encontrar mais informações no blog ou no Instagram do museu. Está tudo em japonês, mas nada que um tradutor não ajude. Flipar
O museu se baseia no termo conhecido como “pareidolia”, que se trata de um fenômeno psicológico em que uma pessoa percebe padrões como rostos ou formas reconhecíveis em objetos inanimados.
O museu se baseia no termo conhecido como “pareidolia”, que se trata de um fenômeno psicológico em que uma pessoa percebe padrões como rostos ou formas reconhecíveis em objetos inanimados. Flipar
É como ver um rosto em uma nuvem, um animal em uma formação rochosa ou uma mensagem secreta em um café derramado.
É como ver um rosto em uma nuvem, um animal em uma formação rochosa ou uma mensagem secreta em um café derramado. Flipar
Pareidolia é um fenômeno universal que pode ser encontrado em todas as culturas. Na mitologia grega, por exemplo, as pessoas viam deuses e heróis nas constelações.
Pareidolia é um fenômeno universal que pode ser encontrado em todas as culturas. Na mitologia grega, por exemplo, as pessoas viam deuses e heróis nas constelações. Flipar
Na cultura cristã, não é difícil encontrar histórias de pessoas que veem imagens de Jesus ou da Virgem Maria em objetos cotidianos.
Na cultura cristã, não é difícil encontrar histórias de pessoas que veem imagens de Jesus ou da Virgem Maria em objetos cotidianos. Flipar
Na arte moderna, artistas como Salvador Dali e MC Escher usaram pareidolia para criar obras de arte intrigantes e ilusórias.
Na arte moderna, artistas como Salvador Dali e MC Escher usaram pareidolia para criar obras de arte intrigantes e ilusórias. Flipar
Ouvir vozes em ruídos aleatórios, como o vento ou o som de um carro passando também é considerado parte da pareidolia.
Ouvir vozes em ruídos aleatórios, como o vento ou o som de um carro passando também é considerado parte da pareidolia. Flipar

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.