Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Ricaço brasileiro “enterrou” carro para promover doação de órgãos

Flipar|

Com o problema de saúde do apresentador Fausto Silva, nas últimas semanas um dos assuntos mais comentados na web foi sobre questão da doação de órgãos.
Com o problema de saúde do apresentador Fausto Silva, nas últimas semanas um dos assuntos mais comentados na web foi sobre questão da doação de órgãos. Com o problema de saúde do apresentador Fausto Silva, nas últimas semanas um dos assuntos mais comentados na web foi sobre questão da doação de órgãos.
Atualmente, milhares de pessoas aguardam por um transplante de órgão no Brasil. De acordo com o Ministério da Saúde, cerca de 65 mil estão na fila do SUS.
Atualmente, milhares de pessoas aguardam por um transplante de órgão no Brasil. De acordo com o Ministério da Saúde, cerca de 65 mil estão na fila do SUS. Atualmente, milhares de pessoas aguardam por um transplante de órgão no Brasil. De acordo com o Ministério da Saúde, cerca de 65 mil estão na fila do SUS.
E conseguir uma doação de órgão não é nada simples. Além de terem que ser analisados fatores como peso, altura e tipo sanguíneo, é a família do doador quem deve dar a palavra final na decisão.
E conseguir uma doação de órgão não é nada simples. Além de terem que ser analisados fatores como peso, altura e tipo sanguíneo, é a família do doador quem deve dar a palavra final na decisão. E conseguir uma doação de órgão não é nada simples. Além de terem que ser analisados fatores como peso, altura e tipo sanguíneo, é a família do doador quem deve dar a palavra final na decisão.
Segundo a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO), a recusa para a doação de órgãos chega a 50% e esse número alto se deve em grande parte à decisão das famílias de não doar.
Segundo a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO), a recusa para a doação de órgãos chega a 50% e esse número alto se deve em grande parte à decisão das famílias de não doar. Segundo a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO), a recusa para a doação de órgãos chega a 50% e esse número alto se deve em grande parte à decisão das famílias de não doar.
Com o tema em voga nos noticiários, o Flipar relembra hoje uma história para lá de inusitada envolvendo um carro de luxo e doação de órgãos. Ficou curioso? Então confere aí!
Com o tema em voga nos noticiários, o Flipar relembra hoje uma história para lá de inusitada envolvendo um carro de luxo e doação de órgãos. Ficou curioso? Então confere aí! Com o tema em voga nos noticiários, o Flipar relembra hoje uma história para lá de inusitada envolvendo um carro de luxo e doação de órgãos. Ficou curioso? Então confere aí!
Em 2013, o empresário milionário Chiquinho Scarpa decidiu enterrar seu carro favorito, um Bentley Continental, com o intuito de promover a semana de doação de órgãos no Brasil.
Em 2013, o empresário milionário Chiquinho Scarpa decidiu enterrar seu carro favorito, um Bentley Continental, com o intuito de promover a semana de doação de órgãos no Brasil. Em 2013, o empresário milionário Chiquinho Scarpa decidiu enterrar seu carro favorito, um Bentley Continental, com o intuito de promover a semana de doação de órgãos no Brasil.
A história começou quando o empresário anunciou o enterro bizarro em seu perfil no Facebook para uma sexta-feira, às 11h.
A história começou quando o empresário anunciou o enterro bizarro em seu perfil no Facebook para uma sexta-feira, às 11h. A história começou quando o empresário anunciou o enterro bizarro em seu perfil no Facebook para uma sexta-feira, às 11h.
Na época, um Bentley Continental Flying Spur custava entre R$ 925 mil e R$ 1,075 milhão. Esse é considerado um dos carros mais luxuosos do mundo.
Na época, um Bentley Continental Flying Spur custava entre R$ 925 mil e R$ 1,075 milhão. Esse é considerado um dos carros mais luxuosos do mundo. Na época, um Bentley Continental Flying Spur custava entre R$ 925 mil e R$ 1,075 milhão. Esse é considerado um dos carros mais luxuosos do mundo.
Na foto do anúncio, Chiquinho posou ao lado do carro com sua ave de estimação nos braços: “Decidi fazer como os faraós: essa semana vou enterrar meu carro favorito, o Bentley, aqui no jardim de casa!! Enterrar meu tesouro no meu palácio rssss”, escreveu.
Na foto do anúncio, Chiquinho posou ao lado do carro com sua ave de estimação nos braços: “Decidi fazer como os faraós: essa semana vou enterrar meu carro favorito, o Bentley, aqui no jardim de casa!! Enterrar meu tesouro no meu palácio rssss”, escreveu. Na foto do anúncio, Chiquinho posou ao lado do carro com sua ave de estimação nos braços: “Decidi fazer como os faraós: essa semana vou enterrar meu carro favorito, o Bentley, aqui no jardim de casa!! Enterrar meu tesouro no meu palácio rssss”, escreveu.
A princípio, ninguém sabia que se tratava de uma ação em prol da doação de órgãos. Parte da imprensa acreditava que o gesto tinha relação com um documentário sobre os faraós do Egito.
A princípio, ninguém sabia que se tratava de uma ação em prol da doação de órgãos. Parte da imprensa acreditava que o gesto tinha relação com um documentário sobre os faraós do Egito. A princípio, ninguém sabia que se tratava de uma ação em prol da doação de órgãos. Parte da imprensa acreditava que o gesto tinha relação com um documentário sobre os faraós do Egito.
No Egito Antigo, os faraós eram enterrados juntos com suas riquezas para, segundo eles, ter uma “vida confortável do outro lado”.
No Egito Antigo, os faraós eram enterrados juntos com suas riquezas para, segundo eles, ter uma “vida confortável do outro lado”. No Egito Antigo, os faraós eram enterrados juntos com suas riquezas para, segundo eles, ter uma “vida confortável do outro lado”.
No fim das contas, o “evento” tinha como objetivo alertar que algo “precioso” não tem valor algum se estiver embaixo da terra, a exemplo do carro
No fim das contas, o “evento” tinha como objetivo alertar que algo “precioso” não tem valor algum se estiver embaixo da terra, a exemplo do carro No fim das contas, o “evento” tinha como objetivo alertar que algo “precioso” não tem valor algum se estiver embaixo da terra, a exemplo do carro
A campanha tinha como slogan: “Absurdo é enterrar algo muito mais valioso do que um Bentley: seus órgãos”.
A campanha tinha como slogan: “Absurdo é enterrar algo muito mais valioso do que um Bentley: seus órgãos”. A campanha tinha como slogan: “Absurdo é enterrar algo muito mais valioso do que um Bentley: seus órgãos”.
“Com tanta gente esperando por um transplante, você ser enterrado com seus órgãos saudáveis que poderiam salvar a vida de várias pessoas, é o maior desperdício do mundo”, declarou o milionário na época.
“Com tanta gente esperando por um transplante, você ser enterrado com seus órgãos saudáveis que poderiam salvar a vida de várias pessoas, é o maior desperdício do mundo”, declarou o milionário na época. “Com tanta gente esperando por um transplante, você ser enterrado com seus órgãos saudáveis que poderiam salvar a vida de várias pessoas, é o maior desperdício do mundo”, declarou o milionário na época.
A “cerimônia” aconteceu no quintal da casa de Scarpa, uma mansão no bairro Jardins, bairro nobre de São Paulo. Até coroas de flores foram colocadas em volta da “sepultura”...
A “cerimônia” aconteceu no quintal da casa de Scarpa, uma mansão no bairro Jardins, bairro nobre de São Paulo. Até coroas de flores foram colocadas em volta da “sepultura”... A “cerimônia” aconteceu no quintal da casa de Scarpa, uma mansão no bairro Jardins, bairro nobre de São Paulo. Até coroas de flores foram colocadas em volta da “sepultura”...
O evento reuniu diversos jornalistas de vários veículos de imprensa. Após anunciar o objetivo da campanha, o empresário confessou que o carro não seria enterrado de verdade.
O evento reuniu diversos jornalistas de vários veículos de imprensa. Após anunciar o objetivo da campanha, o empresário confessou que o carro não seria enterrado de verdade. O evento reuniu diversos jornalistas de vários veículos de imprensa. Após anunciar o objetivo da campanha, o empresário confessou que o carro não seria enterrado de verdade.
Flipar
Flipar Flipar
Francisco Scarpa Filho, mais conhecido como
Francisco Scarpa Filho, mais conhecido como Francisco Scarpa Filho, mais conhecido como
Ele nasceu em uma família de industriais ítalo-brasileiros. Seu pai, Francisco Scarpa, foi o fundador da empresa Scarpa, uma das maiores fabricantes de calçados do Brasil.
Ele nasceu em uma família de industriais ítalo-brasileiros. Seu pai, Francisco Scarpa, foi o fundador da empresa Scarpa, uma das maiores fabricantes de calçados do Brasil. Ele nasceu em uma família de industriais ítalo-brasileiros. Seu pai, Francisco Scarpa, foi o fundador da empresa Scarpa, uma das maiores fabricantes de calçados do Brasil.
Chiquinho é conhecido por seu estilo de vida luxuoso e extravagante. Ele é dono de uma mansão em São Paulo, uma ilha no Caribe, e um jato particular.
Chiquinho é conhecido por seu estilo de vida luxuoso e extravagante. Ele é dono de uma mansão em São Paulo, uma ilha no Caribe, e um jato particular. Chiquinho é conhecido por seu estilo de vida luxuoso e extravagante. Ele é dono de uma mansão em São Paulo, uma ilha no Caribe, e um jato particular.
Chiquinho Scarpa também é famoso por suas polêmicas. Ele já foi acusado de homofobia, racismo, e até mesmo de tentar matar sua ex-mulher, Ana Carolina Rorato de Oliveira.
Chiquinho Scarpa também é famoso por suas polêmicas. Ele já foi acusado de homofobia, racismo, e até mesmo de tentar matar sua ex-mulher, Ana Carolina Rorato de Oliveira. Chiquinho Scarpa também é famoso por suas polêmicas. Ele já foi acusado de homofobia, racismo, e até mesmo de tentar matar sua ex-mulher, Ana Carolina Rorato de Oliveira.
Em números absolutos, o Brasil é o segundo país que mais realiza transplantes de órgãos do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos.
Em números absolutos, o Brasil é o segundo país que mais realiza transplantes de órgãos do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos. Em números absolutos, o Brasil é o segundo país que mais realiza transplantes de órgãos do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos.
Além disso, o Brasil tem o maior programa público de transplante de órgãos, tecidos e células do mundo. E é bom lembrar: por mais caro que seja, um bem material jamais será equivalente a uma vida.
Além disso, o Brasil tem o maior programa público de transplante de órgãos, tecidos e células do mundo. E é bom lembrar: por mais caro que seja, um bem material jamais será equivalente a uma vida. Além disso, o Brasil tem o maior programa público de transplante de órgãos, tecidos e células do mundo. E é bom lembrar: por mais caro que seja, um bem material jamais será equivalente a uma vida.
Atualmente, o Dia Nacional da Doação de Órgãos é comemorado todo 27 de setembro. A data tem o objetivo de conscientizar a população acerca da importância de se doar órgãos.
Atualmente, o Dia Nacional da Doação de Órgãos é comemorado todo 27 de setembro. A data tem o objetivo de conscientizar a população acerca da importância de se doar órgãos. Atualmente, o Dia Nacional da Doação de Órgãos é comemorado todo 27 de setembro. A data tem o objetivo de conscientizar a população acerca da importância de se doar órgãos.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.