Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Semáforos inteligentes em São Paulo: entenda a tecnologia e como irá funcionar

Flipar|

A Prefeitura de São Paulo iniciou a instalação da tecnologia que promete reduzir o fluxo do trânsito na área do rodízio de veículos, o Minianel Viário.
A Prefeitura de São Paulo iniciou a instalação da tecnologia que promete reduzir o fluxo do trânsito na área do rodízio de veículos, o Minianel Viário. A Prefeitura de São Paulo iniciou a instalação da tecnologia que promete reduzir o fluxo do trânsito na área do rodízio de veículos, o Minianel Viário.
Os “semáforos inteligentes” já podem ser vistos em alguns cruzamentos da capital. 
Os “semáforos inteligentes” já podem ser vistos em alguns cruzamentos da capital.  Os “semáforos inteligentes” já podem ser vistos em alguns cruzamentos da capital. 
São 35 semáforos em operação na cidade e 43 em fase de implantação. 
São 35 semáforos em operação na cidade e 43 em fase de implantação.  São 35 semáforos em operação na cidade e 43 em fase de implantação. 
Rua Cardeal Arcoverde e a Avenida Doutor Arnaldo, na zona oeste, foram os locais das primeiras instalações.
Rua Cardeal Arcoverde e a Avenida Doutor Arnaldo, na zona oeste, foram os locais das primeiras instalações. Rua Cardeal Arcoverde e a Avenida Doutor Arnaldo, na zona oeste, foram os locais das primeiras instalações.
Outros 104 pontos continuam em fase de obras. 
Outros 104 pontos continuam em fase de obras.  Outros 104 pontos continuam em fase de obras. 
O plano é implementar em 270 cruzamentos até o fim do ano, de acordo com a concessionária SP Regula (Agência Reguladora de Serviços Públicos do Município de São Paulo), responsável pelo processo.
O plano é implementar em 270 cruzamentos até o fim do ano, de acordo com a concessionária SP Regula (Agência Reguladora de Serviços Públicos do Município de São Paulo), responsável pelo processo. O plano é implementar em 270 cruzamentos até o fim do ano, de acordo com a concessionária SP Regula (Agência Reguladora de Serviços Públicos do Município de São Paulo), responsável pelo processo.
Os semáforos são chamados de inteligentes porque podem funcionar conforme o trânsito da cidade. Pela demanda de carros nas vias.
Os semáforos são chamados de inteligentes porque podem funcionar conforme o trânsito da cidade. Pela demanda de carros nas vias. Os semáforos são chamados de inteligentes porque podem funcionar conforme o trânsito da cidade. Pela demanda de carros nas vias.
Como vai funcionar? O tempo para mudança de verde para vermelho vai ter variação de acordo com o número de veículos na via naquele momento. 
Como vai funcionar? O tempo para mudança de verde para vermelho vai ter variação de acordo com o número de veículos na via naquele momento.  Como vai funcionar? O tempo para mudança de verde para vermelho vai ter variação de acordo com o número de veículos na via naquele momento. 
Será uma automação que irá regular essa mudança para melhorar o fluxo de trânsito.
Será uma automação que irá regular essa mudança para melhorar o fluxo de trânsito. Será uma automação que irá regular essa mudança para melhorar o fluxo de trânsito.
Isso será possível por conta da instalação de câmeras em pontos estratégicos dos cruzamentos que possuem semáforos.
Isso será possível por conta da instalação de câmeras em pontos estratégicos dos cruzamentos que possuem semáforos. Isso será possível por conta da instalação de câmeras em pontos estratégicos dos cruzamentos que possuem semáforos.
A partir dessas imagens será possível avaliar a quantidade de veículos.
A partir dessas imagens será possível avaliar a quantidade de veículos. A partir dessas imagens será possível avaliar a quantidade de veículos.
Em tempo real, um sistema transforma as imagens em dados. Por meio de algoritmos, o sistema ajusta o tempo de abertura dos semáforos.
Em tempo real, um sistema transforma as imagens em dados. Por meio de algoritmos, o sistema ajusta o tempo de abertura dos semáforos. Em tempo real, um sistema transforma as imagens em dados. Por meio de algoritmos, o sistema ajusta o tempo de abertura dos semáforos.
O tempo de travessia para pedestres não será modificado. O plano é manter a segurança da travessia.
O tempo de travessia para pedestres não será modificado. O plano é manter a segurança da travessia. O tempo de travessia para pedestres não será modificado. O plano é manter a segurança da travessia.
A operação será acompanhada em tempo real por uma central de monitoramento da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). 
A operação será acompanhada em tempo real por uma central de monitoramento da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).  A operação será acompanhada em tempo real por uma central de monitoramento da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). 
Os atuais semáforos funcionam a partir de uma programação preestabelecida.
Os atuais semáforos funcionam a partir de uma programação preestabelecida. Os atuais semáforos funcionam a partir de uma programação preestabelecida.
A programação é feita a partir de uma tabela diária, com o fluxo de cada via.
A programação é feita a partir de uma tabela diária, com o fluxo de cada via. A programação é feita a partir de uma tabela diária, com o fluxo de cada via.
A renovação da rede semafórica tem acontecido também por conta de quebras e furtos de cabos elétricos para abastecer o mercado ilegal de cobre. 
A renovação da rede semafórica tem acontecido também por conta de quebras e furtos de cabos elétricos para abastecer o mercado ilegal de cobre.  A renovação da rede semafórica tem acontecido também por conta de quebras e furtos de cabos elétricos para abastecer o mercado ilegal de cobre. 
A Prefeitura de São Paulo informou que o contrato relativo aos semáforos terá um custo de R$ 1,12 bilhão (período de 60 meses).
A Prefeitura de São Paulo informou que o contrato relativo aos semáforos terá um custo de R$ 1,12 bilhão (período de 60 meses). A Prefeitura de São Paulo informou que o contrato relativo aos semáforos terá um custo de R$ 1,12 bilhão (período de 60 meses).
A Ilumina SP é responsável pela manutenção e revitalização. A concessionária assinou um contrato de concessão de 17 anos para realizar os serviços. 
A Ilumina SP é responsável pela manutenção e revitalização. A concessionária assinou um contrato de concessão de 17 anos para realizar os serviços.  A Ilumina SP é responsável pela manutenção e revitalização. A concessionária assinou um contrato de concessão de 17 anos para realizar os serviços. 
O acordo foi assinado em 31 de agosto de 2022, sendo agregado à PPP (parceria-público-privada) da Iluminação Pública, que já estava sob responsabilidade da Ilumina SP.
O acordo foi assinado em 31 de agosto de 2022, sendo agregado à PPP (parceria-público-privada) da Iluminação Pública, que já estava sob responsabilidade da Ilumina SP. O acordo foi assinado em 31 de agosto de 2022, sendo agregado à PPP (parceria-público-privada) da Iluminação Pública, que já estava sob responsabilidade da Ilumina SP.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.