'Então, Brilha' e 'Quando Come se Lambuza' abrem o Carnaval em BH

Centenas de milhares de pessoas acompanham os blocos desde o início da manhã no centro da cidade; uma pessoa foi presa pela PM por porte de arma

Bloco Então Brilha, levou 500 mil pessoas ao centro no começo da manhã

Bloco Então Brilha, levou 500 mil pessoas ao centro no começo da manhã

Gabriel Rodrigues/Record TV Minas

O sábado de Carnaval começou animado nas ruas de Belo Horizonte. Os blocos "Então, Brilha" e "Quando Come se Lambuza" levaram milhares de pessoas às ruas do centro da capital mineira. E a Folia também é grande em outras regiões. 

Na Pampulha, a animação fica por conta do axé do "Tchanzinho Zona Norte" que, pela primeira vez desfila na avenida Abraão Caram no sábado de Carnaval. Na região Leste, o "Ladeira Abaixo" é o destaque da primeira manhã do feriado. 

Então, Brilha

Ao menos 500 mil pessoas madrugaram para acompanhar o cortejo do bloco Então, Brilha, que tradicionalmente abre o Carnaval de Belo Horizonte com um desfile pelas ruas do centro da cidade a partir das 5h da manhã. As imagens aéreas mostram uma multidão de rosa e dourado correndo atrás do trio elétrico. 

A partir das 10h, os foliões que estavam no local migraram para a avenida Afonso Pena, próximo à Praça Sete, para acompanhar o bloco "Quando Come se Lambuza". 

Confira os 61 blocos que saem neste sábado de Carnaval em BH

Ocorrência

Um homem foi preso com uma pistola calibre 635 durante o desfile do bloco "Então Brilha" na manhã deste sábado (22). De acordo com a Policia Militar, a ação aconteceu quando o bloco passava em frente o Batalhão Rotam, na avenida do Contorno, no centro da cidade.

Militares infiltrados no meio do bloco notaram o nervisoismo de um grupo de quatro rapazes. Ao abordarem, a PM constatou que o homens com a arma é um vendedor ambulante credenciado pela Prefeitura de Belo Horizonte. Ele foi preso em flagrante. Os outros três foram liberados.