Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Entretenimento – Música, famosos, TV, cinema, séries e mais
Publicidade

Irmão de Marília Mendonça faz apelo a fãs de cantora após fotos: 'Denunciem esses monstros'

Imagens do corpo da artista foram vazadas nesta semana nas redes sociais; Polícia Civil de MG informou que vai investigar o caso

Famosos e TV|Do R7

João Gustavo, irmão de Marília Mendonça
João Gustavo, irmão de Marília Mendonça João Gustavo, irmão de Marília Mendonça

João Gustavo, irmão de Marília Mendonça (1995-2021), fez um apelo aos fãs da cantora para que denunciem o compartilhamento de fotos do corpo dela no IML (Instituto Médico Legal). O conteúdo foi vazado nesta semana nas redes sociais. A Polícia Civil de Minas Gerais informou que vai investigar o caso.

"Eu estou revivendo tudo que passei, estou mal e completamente arrasado, peço que colaborem denunciando esses monstros que não têm nenhuma empatia pelo próximo! A justiça será feita da forma correta", escreveu ele.

Ao R7, a equipe de Marília declarou, em nota, que o advogado dela está acionando a Justiça depois que vazaram as fotos do corpo da artista, que morreu em um acidente de avião no interior de Minas. Além disso, a assessoria afirmou estar em "choque" com o fato de pessoas estarem comentando e compartilhando esse material. (Leia a nota, na íntegra, abaixo)

Em 2015, depois que o corpo do cantor Cristiano Araújo (1986-2015) foi levado para autópsia e preparação na funerária, fotos e vídeos que traziam imagens chocantes do sertanejo também foram divulgados.

Publicidade

Mãe chama ato de "monstruosidade"

Mais cedo, Ruth Dias, mãe de Marília Mendonça, já havia classificado como "monstruosidade" o compartilhamento das imagens.

Publicidade

"Não me pronunciei ontem por causa do Leozinho [filho de Marília], que já entende o que eu falo. A família está chocada com tanta monstruosidade, mas também não me surpreende. O mundo não me surpreende mais. Esses monstros que fizeram isso não me surpreendem porque já haviam feito outra vez", disse Ruth no Stories do Instagram.

O vazamento de fotos do inquérito policial que investigou a morte da cantora sertaneja pode ser considerado crime, e quem o comete está sujeito a prisão de até três anos, além de pagamento de multa, segundo informou o blog O que É que Eu Faço, Sophia?, do R7.

Publicidade

De acordo com Beatriz Guedes, advogada especialista em direito médico e penal, o autor (ou autores) da ação cometeu o crime de vilipêndio de cadáver, descrito no artigo 212 do Código Penal, cuja pena é detenção de um a três anos, além de multa.

Confira a nota da equipe na íntegra:

Estamos todos chocados, só em imaginar a possibilidade de algo desta natureza existir, e de pessoas capazes de divulgar este tipo de conteúdo. Robson Cunha, advogado da cantora, já está em contato com as autoridades e irá tomar as devidas medidas para punir os responsáveis. Por aqui não só estamos pedindo, mas suplicando para que não compartilhem este material. Temos certeza que todos fãs ou não fãs de Marília Mendonça querem nutrir a imagem do sorriso largo da cantora, de sua voz marcante e de sua figura única em carisma e autenticidade. Contamos com todos vocês para denunciar e não compartilhar o conteúdo.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.