Famosos e TV Nicette Bruno respira com ajuda de aparelhos e quadro é 'grave'

Nicette Bruno respira com ajuda de aparelhos e quadro é 'grave'

Atriz apresenta pneumonia causada pela covid-19 e segue internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) da Casa de Saúde São José, no Rio de Janeiro

  • Famosos e TV | Do R7

Atriz de 87 anos está internada estado grave no RJ

Atriz de 87 anos está internada estado grave no RJ

Divulgação/TV Globo

Nicette Bruno, de 87 anos, permanece "sedada, intubada e respirando através de um ventilador mecânico" na UTI (Unidade de Terapia Intensiva), da Casa de Saúde São José, no Rio de Janeiro. O quadro de saúde da atriz, de acordo com o último boletim médico divulgado nesta quarta-feira (2), é considerado "grave". 

Segundo a unidade hospitalar, a artista apresenta pneumonia causada pela covid-19 —doença sistêmica provocada pelo novo coronavírus. "Ela segue sob cuidados intensivos e acompanhada por equipe médica assistente, além de equipe multidisciplinar do hospital", diz a nota oficial. 

Beth Goulart, filha da atriz, publicou um vídeo nas redes sociais, um pouco mais cedo, para atualizar os fãs sobre o estado de saúde da mãe. "O quadro dela é estável, Graças a Deus. Vamos continuar na luta. Continuamos na força da fé. Eu creio na cura de mamãe. Às 18h: 'Oração para Nicette'. Nós também teremos orações às 19h", disse no Instagram.

A internação foi revelada por Beth, no domingo (29), por meio de vídeo em uma rede social. Nicette chegou a apresentar melhora no quadro, mas, na segunda-feira (30), precisou ser intubada.

"Ontem, ela teve uma ligeira piora. Então, foi necessário sedar, intubar, mas eu tenho muita fé; essa doença é assim mesmo. É uma luta e nós vamos vencer essa luta", começou a filha. "Ela está sedada, não está sentindo nada e ela vai vencer essa luta", completou.

Leia o boletim médico na íntegra 

A paciente Nicette Bruno encontra-se internada na UTI da Casa de Saúde São José com quadro de pneumonia causada pelo COVID-19.

Ela está sedada, intubada e respirando através de um ventilador mecânico. Seu quadro é considerado grave.

Ela segue sob cuidados intensivos e acompanhada por equipe médica assistente, além de equipe multidisciplinar do hospital.

Últimas