Famosos e TV 'Superei, mas nunca vou esquecer', diz Letícia Oliveira sobre traição

'Superei, mas nunca vou esquecer', diz Letícia Oliveira sobre traição

Ex de Marlon virou a página após o fim do casamento e focou no amor-próprio e em ajudar outras mulheres na mesma situação

  • Famosos e TV | Camila Juliotti, do R7

Letícia trocou os documentos e agora usa o sobrenome de solteira

Letícia trocou os documentos e agora usa o sobrenome de solteira

Reprodução/Instagram

Há quase 1 ano, o nome de Letícia Oliveira virou assunto na mídia depois que ela anunciou o fim do casamento com o sertanejo Marlon, da dupla com Maicon, e acusou o ex de traição com a própria amiga. De lá pra cá, muita coisa mudou na vida de Letícia e quem vê as fotos da influencer e empresária nas redes sociais percebe que a página foi virada.

Além de ter atualizado os documentos e agora usar o nome de solteira (Letícia Garcia Vieira), ela decidiu focar no bem-estar, no amor-próprio e, em poucos meses após a separação polêmica, já estava ajudando outras mulheres que passaram por situações parecidas. Para enfrentar os dias difíceis e de "luto", ela contou com a ajuda de familiares e profissionais.

"Sofri uma semana achando que ia morrer. E eu não sou assim. Por natureza, nunca permiti ficar deprimida, não sou triste. A dor chegou num ponto que eu estava chorando há uns três dias seguidos sem parar, sem dormir, sem comer... Uma semana depois e a dor não passava, eu pensei: 'Vou me anular? Vou morrer?'. Então, eu decidi viver, custe o que custasse e sem sofrer mais", relatou Letícia.

Foi quando veio a ideia de fazer um curso de imersão e autoconhecimento de sete dias, sem acesso à internet, ao telefone, nem televisão.

Ela não descarta um novo amor no futuro

Ela não descarta um novo amor no futuro

Reprodução/Instagram

"Saí de lá muito forte, decidida, pensando que: tudo que aconteceu vou entender como uma libertação. Em dezembro, já estava trabalhando em gastronomia, retomando meu estúdio de pilates... As pessoas ficavam muito surpresas por eu ter ficado bem em um mês. Superar, eu superei, mas nunca vou conseguir esquecer essa história", disse a influenciadora, que se viu motivada a ajudar outras mulheres com lives motivacionais na web e com a hipnoterapia, terapia na qual acabou de se formar.

"Eu quis expor essa história, não porque eu tenho orgulho, mas porque isso acontece todo dia e a gente nem fica sabendo porque a mulher não tem voz. E eu tenho uma voz, amo ajudar as pessoas. As mulheres se identificam muito, muitas falam assim: 'Quando vi que você conseguiu, pensei que eu também consigo'. E a minha luta é exatamente essa. Eu me dediquei muito a me autoconhecer e ajudar as pessoas."

Apesar de tudo que enfrentou, Letícia tem uma boa relação com Marlon, com quem ainda tem pendências para resolver, e não guarda rancor do ex, que teve um filho com a atual mulher, com quem ele teria se envolvido enquanto ainda era casado.

"Está tudo certo, a gente se dá bem. Se eu ainda gostasse dele (Marlon), eu teria ódio, mágoa, ia querer ver ele mal... Também não tenho dó, nem pena. É pesar. Pesar por ele não ter pensado, não pensou no que ia acontecer? Foi muito doido...", falou. "Hoje, o amor que eu tenho por mim é tão grande, me amo tanto que sobra amor para os outros. E eu não quero o mal dele, nem dela. Torço pra dê certo (o novo relacionamento dele)", completou.

Letícia se formou em hipnoterapia recentemente

Letícia se formou em hipnoterapia recentemente

Reprodução/Instagram

Questionada se os planos de ser mãe foram embora junto com a separação, Letícia respondeu que não e reforçou que está aberta para um novo amor no futuro.

"Eu amo criança, quero muito ter um filho, é um desejo do meu coração. E eu quero e acredito em relacionamento, tem homem bom no mundo, confio 100%. Estou curtindo o relacionamento comigo mesma, amando minha liberdade e minha vida, acho que daqui uns meses eu consigo me abrir e dar uma chance para o amor."

Por fim, a influenciadora falou sobre as mensagens que recebe de internautas que se identificam com a história dela e também do carinho.

"Eu me emociono, de me arrepiar inteira, chego a chorar, às vezes, de alegria. Eu consegui o que queria, que as pessoas me vejam como sou, independente do que fizeram comigo. Não sou vítima, nem coitadinha. Graças a ele (Marlon) que estou assim, queria que tivesse feito só um pouquinho antes...", finalizou

.

Últimas