Coronavírus

Música Adele cancela shows nos EUA após parte da equipe contrair Covid-19

Adele cancela shows nos EUA após parte da equipe contrair Covid-19

'Sinto muito', lamentou a cantora, que apareceu chorando em vídeo postado nas redes sociais

Agência Estado - Variedades
Adele cancelou a temporada de shows que faria em Las Vegas, nos Estados Unidos

Adele cancelou a temporada de shows que faria em Las Vegas, nos Estados Unidos

Reprodução/Instagram

Adele cancelou a temporada de shows que faria em Las Vegas, nos Estados Unidos, um dia antes de começar porque boa parte da equipe da cantora foi diagnosticada com Covid-19. "Sinto muito, mas meu show não está pronto", disse, chorando, em um vídeo publicado em rede social.

"Metade da minha equipe está com Covid e é impossível terminar o show. Não posso dar a vocês o que tenho agora", completou a artista britânica, que disse ter feito tudo que podia para realizar os shows.

Adele tinha uma série de apresentações previstas no Caesars Palace de Las Vegas às sextas-feiras e sábados entre os dias 21 de janeiro e 16 de abril. Os ingressos, cujos preços começaram em US$ 1 mil e chegaram a US$ 30 mil em sites de revenda, se esgotaram em poucas horas em dezembro.

"Lamento fazer isso no último minuto. Ficamos acordados por mais de 30 horas tentando buscar uma forma e acabou o tempo", disse a cantora na quinta-feira (20). Ela revelou que, além da Covid-19, entregas atrasadas comprometeram a realização dos shows.

A temporada de apresentações foi programada após o recente lançamento do álbum 30, o primeiro disco em sete anos. Segundo a artista, o novo trabalho foi desenvolvido para explicar seu divórcio ao filho.

Últimas