Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Música
Publicidade

Cardi B ganha processo após acusação de uso indevido de imagem na capa de álbum

Kevin Brophy entrou na Justiça contra a rapper pela tatuagem dele aparecer na arte do disco 'Gangsta Bitch Music Vol 1'

Música|Do R7

Cardi B deixando julgamento de uso indevido de imagem
Cardi B deixando julgamento de uso indevido de imagem Cardi B deixando julgamento de uso indevido de imagem

A rapper Cardi B ganhou, na última sexta-feira (21), o processo em que foi acusada por uso indevido de imagem na capa de seu álbum de estreia, Gangsta Bitch Music Vol 1. O julgamento ocorreu em um tribunal na cidade californiana de Santa Ana, nos Estados Unidos.

Kevin Brophy entrou na Justiça contra a artista em 2017 porque tatuagem dele aparece na arte do disco. Segundo o acusador, a "arte e imagem do seu corpo foi utilizada sem consentimento, de maneira provocativa". O homem pediu mais de R$ 26 milhões em indenização.

A defesa de Cardi argumentou que os ganhos com o álbum não tinham a ver com a arte da capa do disco e que o homem retratado na arte não é o acusador, o que não valeria como apropriação da imagem de Kevin.

A cantora comemorou a vitória nas redes sociais. "Tentam acabar com a minha carreira desde 2018. Mas não podem me tirar o que Deus me abençoou", publicou em seu Twitter.

Publicidade

Ainda neste ano, a rapper enfrentou outro imbróglio na Justiça americana. Ela foi condenada a prestar serviço comunitário por ordenar uma agressão contra duas bartenders.

As sete maiores tretas entre as divas do pop mundial

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.