Música Líder do Black Sabbath, Ozzy Osbourne diz que tem 'no máximo mais 10 anos de vida'

Líder do Black Sabbath, Ozzy Osbourne diz que tem 'no máximo mais 10 anos de vida'

Cantor, de 74 anos, contou que ficou 'praticamente incapacitado' após passar por uma série de cirurgias nas costas e ter descoberto um tumor na coluna, em 2019

Agência Estado - Variedades
Ozzy Osbourne descobriu um tumor na coluna, em 2019

Ozzy Osbourne descobriu um tumor na coluna, em 2019

Grosby Group

O cantor Ozzy Osbourne disse que tem "no máximo mais dez anos de vida", em uma entrevista à Rolling Stone UK. O vocalista do Black Sabbath, que tem 74 anos, contou que ficou "praticamente incapacitado" depois de passar por uma série de cirurgias nas costas e de ter descoberto um tumor na coluna, em 2019. O artista também foi diagnosticado com Parkinson.

À publicação, Ozzy afirmou que não quer ter uma vida longa. "Não tenho medo de morrer, mas não quero ter uma existência longa, dolorosa e miserável", disse à revista. "Gosto da ideia de que, se você tiver uma doença terminal, pode ir a um lugar na Suíça e resolver isso rapidamente."

Ozzy também contou que sua esposa, Sharon, chamou sua atenção depois que ele contou a ela que tinha fumado um cigarro de maconha, ao que ela teria dito que isso o mataria. "Eu disse: 'Por quanto tempo você quer que eu viva?!' No máximo, tenho mais dez anos e, quando você é mais velho, o tempo acelera", disse.

Em 2019, Ozzy sofreu uma queda em sua casa, em Los Angeles, e fraturou o pescoço. Depois disso foi acompanhado por médicos, que realizaram algumas cirurgias. Durante o processo, que, segundo ele, quase o deixou incapacitado, os médicos descobriram um tumor em uma das vértebras e tiveram que fazer mais procedimentos.

Clique aqui e receba as notícias do R7 Entretenimento no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

"Isso realmente me abalou. A segunda cirurgia deu terrivelmente errado e praticamente me deixou incapacitado. Pensei que estaria de pé e correndo após a segunda e terceira, mas na última eles colocaram uma porcaria de haste na minha coluna. Encontraram um tumor em uma das vértebras, então tiveram que remover tudo isso também. É bem complicado, e meu equilíbrio está todo ferrado", comentou.

Ozzy também disse que apesar de sentir muita dor evita tomar medicação. "Ainda estou em dor constante. Faço o melhor que posso para evitar os medicamentos para dor", afirmou.

Assim como Lewis Capaldi, veja famosos que precisaram se afastar dos holofotes para cuidar da saúde

Últimas