Pabllo Vittar, Emicida e Elza Soares são indicados ao Grammy Latino

Outros nomes brasileiros, como Anitta, Zeca Pagodinho e Maria Bethânia, também concorrem em categorias do prêmio mais importante da música

Com 'AmarElo', Emicida concorre ao 'Melhor Álbum de Música Alternativa'

Com 'AmarElo', Emicida concorre ao 'Melhor Álbum de Música Alternativa'

Daryan Dornelles

Os indicados ao Grammy Latino 2020 foram anunciados nesta terça-feira (29). Com AmarElo (Sample: Sujeito de Sorte - Belchior), os cantores Emicida, Pabllo Vittar e Majur concorrem na categoria de 'Melhor Canção em Língua Portuguesa'. 

Elza Soares disputa o prêmio de Melhor Álbum de Música Popular Brasileira com Planeta Fome. O disco, que conta com faixas inéditas e regravações de grandes sucessos, é um mergulho da cantora na própria trajetória. 

No Projeto, lançado em 2019, Elza atualiza questões abordadas durante toda a carreira e apresenta o resultado da elaboração pessoal em relação a assuntos que conhece bem de perto: o preconceito e a fome. 

Confira as principais categorias do Grammy Latino

Melhor Canção Urban

Adicto – Tainy, Anuel AA e Ozuna
Muchacha – Gente De Zona e Becky G
Rave de Favela – MC Lan, Anitta, BEAM e Major Lazer
Rojo – J Balvin
Yo x Ti, Tu x Mi – Rosalía & Ozuna

Melhor Álbum de Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa

N – Anavitória
Enquanto estamos distantes – As Bahias e a Cozinha Mineira
APKÁ! – Céu
Guaia – Marcelo Jeneci
Eu – Melim feat Você

Melhor Álbum de Rock ou de Música Alternativa em Língua Portuguesa

AmarElo – Emicida
Little Eletric Chicken Heart – Ana Frango Elétrico
Letrux aos prantos – Letrux
Universo do canto falado – Rapadura
Na mão das flores –  Suricato

Melhor Álbum de Samba e/ou Pagode

Mangueira, a menina dos meus olhos – Maria Bethânia
Martinho 8.0 – Bandeira da Fé: Um concerto – Martinho da Vila
Samba jazz de raiz, Cláudio Jorge 70 – Cláudio Jorge
Fazenda samba – Moacyr Luz e Samba do Trabalhador
Mais feliz – Zeca Pagodinho

Melhor Álbum de MPB

O Amor no Caos Volume 2 – Zeca Baleiro
Belo Horizonte – Toninho Horta & Orquestra Fantasma
Bloco na rua (deluxe) – Ney Matogrosso
Planeta Fome – Elza Soares
Caetano Veloso & Ivan Sacerdote – Caetano Veloso & Ivan Sacerdote

Melhor Álbum de Música de Raízes em Língua Portuguesa

Veia nordestina – Mariana Aydar
Aqui está-se sossegado – Camané & Mário LaginhaAcaso casa ao vivo – Mariene De Castro e Almério
Targino sem limites – Targino Gondim
Obatalá – Uma homenagem a Mãe Carmen – Grupo Ofa
Autêntica – Margareth Menezes

Melhor Canção em Língua Portuguesa

A Tal Canção Pra Lua (Microfonado) — Vitor Kley & Samuel Rosa
Abricó-De-Macaco — João Bosco
Amarelo (Sample: Sujeito de Sorte – Belchior) — Emicida feat Majur & Pabllo Vittar
Libertação — Elza Soares & BaianaSystem feat Virgínia Rodrigues
Pardo — Céu

Melhor Álbum de Música Cristã (Língua Portuguesa)

Catarse – Daniela Araújo
Reino – Aline Barros
Profundo – Ministério Mergulhar
Maria passa à frente – Padre Marcelo Rossi
Memória II (Ao vivo em Belo Horizonte – Eli Soares

Gravação do ano

China — Anuel AA, Daddy Yankee, Karol G Featuring Ozuna & J Balvin
Cuando Estés Aquí — Pablo Alborán
Vete — Bad Bunny
Solari Yacumenza — Bajofondo Featuring Cuareim 1080
Rojo — J Balvin
Tutu — Camilo Featuring Pedro Capó
Lo Que En Ti Veo — Kany García & Nahuel Pennisi
Tusa — Karol G & Nicki Minaj
René — Residente
Contigo — Alejandro Sanz