Ghislaine Maxwell é presa sob acusações ligadas a abusos de menores cometidos por Epstein

GENTE-EPSTEIN-GHISLAINE-PRISAO:Ghislaine Maxwell é presa sob acusações ligadas a abusos de menores cometidos por Epstein

(Reuters) - Ghislaine Maxwell, socialite britânica e ex-namorada do bilionário condenado por abuso sexual Jeffrey Epstein, foi presa pelo Departamento Federal de Investigação dos Estados Unidos (FBI) em New Hampshire nesta quinta-feira, disseram duas fontes à Reuters.

Maxwell mantém um perfil discreto desde a morte de Epstein, financista acusado de estuprar e traficar meninas menores de idade por quase duas décadas. Algumas das supostas vítimas disseram que Maxwell as atraiu para o círculo social de Epstein, no qual foram abusadas sexualmente por ele e por amigos poderosos.

O FBI prendeu Maxwell pela manhã, em Bradford, New Hampshire, cerca de 40 quilômetros a oeste de Concord, disse uma porta-voz da agência nesta quinta-feira. Ela deve comparecer ao tribunal federal na quinta-feira, disseram fontes à Reuters.

Epstein aguardava julgamento por acusações de tráfico de menores quando foi encontrado morto por enforcamento em um aparente suicídio em uma prisão de Nova York, em agosto do ano passado.

A Promotoria norte-americana para o distrito sul de Nova York informou em comunicado que divulgaria acusações no final do dia contra Maxwell "por seu papel na exploração sexual e no abuso de várias menores por Jeffrey Epstein".

Os promotores federais afirmaram nos autos do processo judicial que ela "seduziu e fez com que vítimas menores viajassem para a residência de Epstein em diferentes Estados" e que Maxwell teria ajudado na "preparação e sujeição a abuso sexual".

Maxwell é acusada pelos promotores de estar ciente da preferência de Epstein por meninas menores e que ele pretendia abusar sexualmente delas.

(Por Gabriella Borter)