Pop Príncipe britânico Philip deixa hospital após 4 semanas

Príncipe britânico Philip deixa hospital após 4 semanas

GENTE-PHILIP-DEIXA-HOSPITAL:Príncipe britânico Philip deixa hospital após 4 semanas

Reuters - Entretenimento

Por Matthew Childs

WINDSOR, Inglaterra (Reuters) - O príncipe britânico Philip, marido de 99 anos da rainha Elizabeth, deixou um hospital de Londres nesta terça-feira depois de uma internação de quatro semanas para tratar uma infecção e passar por um procedimento cardíaco.

Philip, cujo título oficial é Duque de Edimburgo, foi internado no hospital privado Rei Edward 7º em 16 de fevereiro depois de sentir-se mal e recebeu tratamento para uma doença não especificada, mas não relacionada à Covid-19.

Ele foi brevemente transferido no início deste mês para um centro especializado e cardiologia em outro hospital de Londres, onde passou por um bem-sucedido procedimento para uma condição cardíaca pré-existente.

Uma testemunha da Reuters disse que o duque deixou o hospital pouco depois das 7h30 (horário de Brasília) desta terça-feira. Ele foi levado para um carro em uma cadeira de rodas e retornou ao Castelo de Windsor, residência real a oeste de Londres, acenando para as pessoas quando chegou ao local.

"Sua Alteza Real deseja agradecer toda a equipe médica que cuidou dele tanto no Hospital Rei Edward 7º quanto no Hospital St Bartholomew, e todos aqueles que enviaram bons votos", disse o Palácio de Buckingham em comunicado.

Uma fonte ligada à realeza disse que o príncipe estava de bom humor.

Desde que foi internado, o duque recebeu apenas uma visita pública, a de seu filho mais velho e herdeiro do trono, príncipe Charles.

A rainha, de 94 anos, permaneceu no Castelo de Windsor, onde o casal tem permanecido durante a pandemia de coronavírus, e continuou a cumprir com suas obrigações por vídeo.

Tanto Elizabeth quanto Philip receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19.

(Reportagem de Toby Melville, Andy Bruce e William James)

Últimas