Príncipe Philip quebra silêncio para agradecer aos que lutam contra Covid-19

SAUDE-CORONAVIRUS-REALEZA-PHILIP:Príncipe Philip quebra silêncio para agradecer aos que lutam contra Covid-19

LONDRES (Reuters) - O príncipe Philip, marido da rainha britânica Elizabeth, fez uma rara declaração nesta segunda-feira para agradecer aos envolvidos na luta contra a pandemia de Covid-19.

Aos 98 anos, Philip, o duque de Edimburgo, fez poucas aparições públicas desde que deixou as funções oficiais em agosto de 2017 e atualmente está hospedado com a esposa no Castelo de Windsor durante o surto do vírus.

"Ao nos aproximarmos da Semana Mundial de Imunização, eu gostaria de reconhecer o trabalho vital e urgente que está sendo feito por muitos para combater a pandemia; por aqueles nas profissões médicas e científicas, em universidades e instituições de pesquisa, todos unidos em trabalhar para nos proteger da Covid-19", disse ele.

"Em nome daqueles que permanecem seguros e em casa, também gostaria de agradecer a todos os trabalhadores essenciais que garantem que a infraestrutura de nossa vida continue; os funcionários e voluntários que trabalham na produção e distribuição de alimentos, os que mantêm os serviços postais e de entrega, e aqueles que garantem a continuidade da coleta de lixo."

Philip é o mais recente membro da família real a enviar uma mensagem para o país desde que o Reino Unido determinou o isolamento para conter a propagação do vírus.

O filho mais velho do casal, o príncipe Charles, de 71 anos, que se recuperou após sofrer sintomas leves de Covid-19, agradeceu à equipe de saúde por seu trabalho, dizendo que é um momento estranho e angustiante para a nação.

A rainha Elizabeth comemora seu aniversário de 94 anos na terça-feira, mas a ocasião não será marcada com saudações de armas, como é habitual, porque ela achou que não seria apropriado.

(Reportagem de Michael Holden)