Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Flavio Ricco
Publicidade

A brincadeira nos programas esportivos é necessária?

Flavio Ricco|Do R7 e Flavio Ricco


Lucas Gutierrez e Paulo Nunes apresentam o "Segue o Jogo"
Lucas Gutierrez e Paulo Nunes apresentam o "Segue o Jogo"

O noticiário esportivo sempre foi levado muito a sério, primeiro por se integrar a uma parte do jornalismo e, por outra, também porque mexe com a paixão de muitas pessoas.

Só que descontrair é bem diferente de querer brincar o tempo todo, principalmente quando o ouvinte ou telespectador fica completamente fora da rodinha e sem entender direito o que acontece.

Geralmente, são momentos em que os integrantes de uma mesma equipe, usam para tirar uma, um do outro, algo absolutamente interno e que não interessa a ninguém a não ser os diretamente envolvidos.

Poderiam até tirar uma tarde no parque para fazer isso.

Publicidade

O que não impede de tornar esses trabalhos mais leves, porém com um pouco mais de classe para quem ouve ou assiste.

Vale destacar o “Segue o Jogo”, da Globo, com um exemplo do bem. Começou meio que sem saber para onde ia, teve os seus exageros, mas encontrou a medida ideal. Neste aspecto, Lucas Gutierrez e Paulo Nunes, seus participantes devem ser reconhecidos.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.