Flavio Ricco Globo monitora pandemia para definir rumo das suas novelas

Globo monitora pandemia para definir rumo das suas novelas

Cauã Reymond, Andréia Horta e Juan Paiva nos bastidores de “Um Lugar Ao Sol”, que teve estreia adiada por causa da pandemia

Cauã Reymond, Andréia Horta e Juan Paiva nos bastidores de “Um Lugar Ao Sol”, que teve estreia adiada por causa da pandemia

Instagram

A direção da Globo, a partir de hoje, fará avaliações diárias sobre a situação da pandemia.

Por enquanto, todas as datas para gravações, inclusive de novas séries, não estão mais confirmadas. Tudo suspenso. “Verdades Secretas 2”, que tinha seu início nesta semana, entre elas.

Aliás, “Um Lugar ao Sol”, com Cauã Reymond, novela das nove que teve sua estreia adiada, é a produção da casa que mais sofre alterações no roteiro por causa deste cenário de restrições.

Já foi assim no ano passado e volta a se repetir agora. A sua equipe, simplesmente, não consegue se planejar.

E um detalhe importante, em meio a esse momento complicado que estamos enfrentando: “Um Lugar ao Sol” poderá ir ao ar com todos os seus capítulos inteiramente gravados.

O folhetim de Lícia Manzo, tudo indica, não terá direito a grupos de discussão ou possibilidades de alterações.

Um risco, no mínimo, enorme se houver rejeição do público.

E mais: durante toda essa crise, a Teledramaturgia da Globo se manteve com os pés no chão graças aos esforços e planejamento traçados por Silvio de Abreu.

Abrir mão do seu trabalho e experiência, no meio desse tsunami, não parece ser uma atitude muito sensata. Enfim...

Últimas