Marcius Melhem deixa Globo após 17 anos e desgaste   

Marcius Melhem deixa Globo após 17 anos

Marcius Melhem deixa Globo após 17 anos

Victor Pollak

O ator e roteirista Marcius Melhem não trabalha mais na Globo. Depois de 17 anos, foi encerrada nesta sexta-feira sua parceria com a emissora.

Um rompimento que chama atenção, porque, depois do seu afastamento da Direção da Área de Humor, Melhem pretendia continuar na casa como autor e ator.

Colegas apostam em sua ida para um serviço de streaming. 

A Globo se manifestou por meio de nota: 

"A Globo e Marcius Melhem, em comum acordo, encerraram a parceria de 17 anos de sucessos. O artista, que deu importante contribuição para a renovação do humor nas diversas plataformas da empresa, estava de licença desde março para acompanhar o tratamento de saúde de sua filha no exterior. Como todos sabem, a Globo tem tomado uma série de iniciativas para se preparar para os desafios do futuro e, com isso, adotado novas dinâmicas de parceria com atores e criadores em suas múltiplas plataformas. Os conteúdos de humor, assim como os de dramaturgia diária e semanal, continuam sob a liderança de Silvio de Abreu, diretor de Dramaturgia da Globo".

Marcius Melhem estreou na emissora em "Mulheres Apaixonadas", de 2013, mas não se fixou nas novelas.

Emplacou, na verdade, na área de humor e protagonizou e escreveu os roteiros do seriado "Os caras de pau", ao lado de Leandro Hassum.

Foi também um dos criadores do "Tá no ar: a TV na TV".
Em setembro de 2018, a Globo anunciou que passaria a cuidar de todos os projetos de humor. Seu último trabalho foi o "Fora de hora", que saiu do ar mais cedo por causa da pandemia.

Colegas apostam que em breve ele poderá ser anunciado como novo contratado de uma plataforma de streaming.

Consultado sobre os novos rumos, ele ainda não se manifestou.

Apesar de a Globo não misturar as estações, o afastamento de Melhem, há poucos meses, se deu no mesmo período em que acusações de assédio moral contra ele vieram à tona, dando início a um desgaste com o canal.
Atores do departamento de humor fizeram questão de sair em sua defesa.

Por outro lado, também é sabido que a Globo tem dispensado vários profissionais – Miguel Falabella e Renato Aragão entre eles – alegando “novas dinâmicas” de relacionamento com atores e autores.