Odair Braz Jr Paulinho e o Roupa Nova dominaram tudo nos anos 80

Paulinho e o Roupa Nova dominaram tudo nos anos 80

Banda é dona de grandes sucessos que atravessam gerações de fãs; Paulinho cantou vários hits do grupo que é um dos mais famosos do Brasil

  • Odair Braz Jr | Do R7

Paulinho cantou alguns dos maiores sucessos do Roupa Nova

Paulinho cantou alguns dos maiores sucessos do Roupa Nova

Reprodução/Instagram

Muita gente trata e tratava o Roupa Nova como uma banda menor do que outras mais moderninhas do rock brasileiro dos anos 80, mas não se deixe enganar: a banda foi uma das maiores produtoras de hits do país. E quase todos esses sucessos tinham a voz de Paulinho, que nos deixou nesta segunda (14).

Com uma pegada, digamos, mais popular, o Roupa Nova era meio brega para muitas pessoas que se consideravam bem informadas musicalmente, e talvez até fosse um pouco mesmo. Suas canções — com guitarras, teclados, violões e pitadas de MPB — falavam muito sobre amor, namoro, festas, musas, entre outros temas próximos. Acontece que quem não gostava do grupo não combinou com o público, que simplesmente adorava cantar e dançar ao som dos hits do Roupa.

A banda surgiu em 1980 e era formada por grandes músicos, todos muito virtuosos e com grande capacidade de composição. Com toda essa turma — sempre os mesmos integrantes do começo até hoje —, o grupo emplacou sucesso atrás de sucesso desde o primeiro disco, lançado em 1981. Caiu totalmente no gosto do público, tocando muito em rádios e também nas trilhas sonoras de dezenas de novelas. 

Roupa Nova em entrevista à Record TV

Roupa Nova em entrevista à Record TV

Edu Moraes/Record TV

Serginho, o baterista do Roupa Nova, também cantava várias canções, mas a maior parte dos hits e das músicas em geral eram mesmo cantadas por Paulinho. É com a voz dele que estão clássicos como Linda Demais, Whisky a Go Go, Um Sonho a Dois, A Força do Amor, entre outras.

Ao longo da década de 80 e parte dos 90 o Roupa Nova fez muito sucesso e era figura carimbada em diversos programas de TV. Tudo, claro, graças às dezenas de sucessos que o público sempre soube cantar de trás para frente.

Nos anos mais recentes, assim como toda banda de pop/rock, o Roupa Nova perdeu espaço na grande mídia e deu uma certa sumida das TVs e das rádios. Mas isso não impediu o grupo de continuar fazendo shows Brasil afora. Sempre lotados  e fazendo a alegria de seus fãs.

E Paulinho sempre foi parte de tudo isso. Sua voz e simpatia já fazem parte do universo musical brasileiro e não dá para falar em anos 80 sem citar seu trabalho no Roupa Nova.

Enfim, o cantor é mais uma vítima desse ano de 2020 que não cansa de nos deixar tristes.

Últimas