Adriana Sant'Anna compara zona de conforto à escravidão e é criticada

Ex-BBB, que agora é coach, causou polêmica com declaração feita durante live motivacional realizada nas redes sociais; assista ao vídeo

Fala da coach causou polêmica em live motivacional

Fala da coach causou polêmica em live motivacional

Reprodução/Instagram

Adriana Sant'Anna causou polêmica nas redes sociais durante uma live realizada na noite de quarta-feira (13). A ex-BBB, que atualmente se define como palestrante motivacional, comentou sobre o fato de as pessoas ficarem na zona de conforto na quarentena, durante a pandemia de covid-19, e comparou a situação com o período de escravidão. 

"Na época dos escravos, eles andavam todos acorrentados, eles eram acorrentados nas pernas, né? Então, todos viviam a vida inteira acorrentados. Até que veio a Isabel, assinou a Lei Áurea e libertou todos aqueles escravos. Eles estavam libertos, ninguém estava mais com algema, ninguém estava mais acorrentado", declarou Adriana.

"Só que eles continuaram vivendo como se estivessem acorrentados. Não saíam do lugar. Eles passaram tanto tempo na dor, que já estavam acorrrentados na alma, no coração. Por mais que eles não tivessem aquelas correntes, dentro deles elas estavam. É a mesma coisa com você. Você pode escolher não ficar...", completou.

Em poucos instantes, a fala da coach repercutiu e ela foi duramente criticada nas redes sociais. Adriana também foi acusada de racismo. 

"Adriana Sant'Anna usando escravidão como exemplo de zona de conforto, só mostra como estamos vivendo em um tempo em que muita gente despreparada está com cada vez mais alcance e voz... e quem precisa ter voz e alcance é silenciado", comentou um internauta.

"Adriana Sant'anna corre aqui pra eu te explicar que a história não foi tão motivacional assim", escreveu outra.

"Acabei de ver um vídeo da Adriana Sant'anna comparando a zona de conforto com a escravidão, que nojo dessas pessoas", lamentou outra.

Assista ao vídeo