Famosos e TV Briga por herança de Chico Anysio segue após anulação de testamento

Briga por herança de Chico Anysio segue após anulação de testamento

Disputa por bens do comediante acontece há mais de oito anos e, nesta terça-feira (10), ganhou novo capítulo com decisão da Justiça do Rio de Janeiro

  • Famosos e TV | Do R7

Humorista Chico Anysio morreu em 2012

Humorista Chico Anysio morreu em 2012

Divulgação

O testamento do comediante Chico Anysio, morto em 2012, foi anulado após decisão de Juiz da 2ª Vara da Família da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. De acordo com nota enviada pelos advogados de Malga Di Paula, viúva do comediante, a decisão se fundamentou no fato de que o "testador dispôs da totalidade de seus bens", o que contrariaria determinação do Código Civil.

Os representantes da empresária, Carlos Sanseverino e Denise Giardino, afirmaram, ainda, que um recurso apresentado por eles foi rejeitado pela justiça e que o prazo para apresentação de novo questionamento terminará no fim da próxima semana. A viúva pede que seja reconhecida como única propietária do imóvel em que morava com o ator. 

"Apresentamos recurso de Embargos de Declaração para que o Juiz esclarecesse alguns pontos da decisão, principalmente no que se refere ao imóvel do Edifício Golden Royal, sobre o qual nossa Cliente busca o reconhecimento de sua propriedade exclusiva. O recurso foi rejeitado, tendo sido aberto prazo para recorrer para o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, prazo este que expirará no final da próxima semana", diz a nota enviada à imprensa. 

Não é a primeira derrora da empresária na disputa pela herença. Em 2018, após pedido dos filhos do humorista, a Justiça do Rio retirou de Malga o controle dos bens de Chico — avaliados em mais de R$ 100 milhões.

À época, a justificativa da sentença foi "má administração", já que ela não teria pago uma dívida de IPTU avaliada em R$ 400 mil e, ainda, não repassado valores referentes aos direitos autorais e alugueis aos outros herdeiros. Quem passou a cuidar de tudo foi Bruno Mazzeo, um dos oito filhos.

Últimas