Famosos e TV Produtores deixam programa de Ellen DeGeneres após polêmica

Produtores deixam programa de Ellen DeGeneres após polêmica

Nos bastidores, relatos de um local de trabalho hostil incluem críticas de que famosa apresentadora é mesquinha, entre outras queixas

Reuters - Entretenimento
Stephen Schuck e Jesus Campos são entrevistados por Ellen DeGeneres

Stephen Schuck e Jesus Campos são entrevistados por Ellen DeGeneres

Michael Rozman/Warner Bros./via REUTERS - 18/10/2017

Três importantes produtores do The Ellen DeGeneres Show deixaram o popular programa de entrevistas, informou a Warner Bros, após uma investigação interna sobre queixas de intimidação, racismo e má conduta sexual.

Um porta-voz da Warner Bros Television, que produz o programa, disse na segunda-feira (17) que três produtores haviam deixado o programa.

As saídas ocorreram após semanas de turbulência nos bastidores que minaram a mensagem pública do programa de espalhar bondade e felicidade.

Relatos de um local de trabalho hostil incluem críticas de que DeGeneres é mesquinha. Isso gerou uma campanha na mídia social pedindo sua substituição e declarações públicas de apoio por nomes como Katy Perry, Kevin Hart, Alec Baldwin e Ashton Kutcher.

DeGeneres, de 62 anos, falou na segunda-feira (17) com a equipe de seu programa via Zoom no que a Variety alega ter sido um discurso emotivo e de desculpas.

Segundo a Variety, várias fontes afirmaram que DeGeneres disse à equipe que ela "não é perfeita" e que era "doloroso" ler as alegações sobre o clima no set.

As acusações de um ambiente de trabalho hostil no talk show foram feitas pela primeira vez por ex-funcionários em um artigo do BuzzFeed em julho. A Warner Bros respondeu dizendo que estava investigando e que várias mudanças de equipe estavam sendo implementadas.

"The Ellen DeGeneres Show" ganhou diversos prêmios desde que começou a ser transmitido, em 2003.

(Reportagem de Jill Serjeant)

Últimas