'Troca de Esposas': Faby Monarca tenta morar em casa sem regras

Ticiane Pinheiro media debate entre a modelo e uma motoqueira despreocupada com afazeres domésticos

Ticiane Pinheiro comanda o 'Troca de Esposas'

Ticiane Pinheiro comanda o 'Troca de Esposas'

Antonio Chahestian/Record TV

Durante o mês de janeiro, o telespectador da Record TV vai se divertir com o reality show Troca de Esposas. A atração, comandada por Ticiane Pinheiro, mostrará algumas trocas que emocionaram os participantes na temporada exibida em 2019.

Será possível relembrar as experiências da jornalista Fabíola Gadelha (que encarou a vida instável de uma família circense), da chef Aritana Maroni (que sofreu ao mudar para casa de uma família vegana), do MC Créu (que teve que se adaptar a uma companheira desorganizada nos afazeres domésticos) e da modelo Faby Monarca (que teve dificuldades em morar numa casa sem regras e disciplina).

A exibição, sempre às quartas-feiras de janeiro, às 22h30, será apenas um “esquenta” especial para a temporada inédita do reality show, com novas famílias e histórias emocionantes e de superação, prevista para estrear em fevereiro de 2020 na tela da Record TV.

Destaque da semana

O que você faria se fosse maníaca por limpeza e tivesse de passar um tempo em uma residência que fica sempre bagunçada e sem organização alguma? É justamente com esta situação que a atriz e modelo Faby Monarca, de 40 anos, terá de lidar no episódio do Troca de Esposas, que vai ao ar nesta quarta-feira (8).

No reality show apresentado por Ticiane Pinheiro, ela vai parar da casa da família da Miminha, como é conhecida Rosane, 45 anos, uma mulher que adora andar de moto. Esta, por sua vez, que não sabe cozinhar muito bem e sempre que possível pede marmita como refeição diária, precisará se acostumar com a rotina da família de Faby, onde a disciplina é mais do que uma regra. Como será que essas duas mulheres vão se sair neste intenso desafio que mexe com as emoções de todos os envolvidos?

O Troca de Esposas é uma experiência de autoconhecimento. Afinal de contas, promove uma interação entre grupos que dificilmente, fora de um projeto como este, manteriam contato. A dinâmica funciona da seguinte maneira: ao trocar de família, a esposa vive metade dos oito dias sob as regras da dona de casa. Na segunda metade, tudo muda, e a esposa recém-chegada terá a oportunidade de trocar as regras e reorganizar o lar segundo suas próprias normas. Como os “novos” maridos e filhos vão reagir a tantas transformações? Será que vão acatar as orientações determinadas pela nova esposa?

O Troca de Esposas é a versão brasileira da atração Wife Swap, que já foi produzida em mais de 20 países. No Brasil, a produção é da Teleimage, direção de Edu Pupo e direção do núcleo de realities de Rodrigo Carelli.