Fabíola Reipert Daniel Alves envia carta para ex-mulher Joana Sanz 

Daniel Alves envia carta para ex-mulher Joana Sanz 

A modelo decidiu se separar do jogador de futebol e deixou de seguir o ex nas redes sociais

Joana Sanz e Daniel Alves estão separados; modelo anunciou o fim do casamento

Joana Sanz e Daniel Alves estão separados; modelo anunciou o fim do casamento

Reprodução/Instagram

Após a separação, Daniel Alves enviou uma carta a Joana Sanz. Nas redes sociais, a modelo anunciou o fim do casamento com o jogador, apagou as fotos do casal e deixou de segui-lo. 

No texto, o ex lateral-direito afirma que Joana estará sempre em seu coração. E ainda agradece aos familiares que tentam provar a inocência dele para todo o mundo. 

Daniel Alves, de 39 anos, acusado de agredir sexualmente uma jovem de 23, está preso na Espanha. A prisão preventiva do atleta foi decretada após inconsistências nos depoimentos dele. Com as notícias espalhadas pelo mundo, o contrato com o time do Pumas, no México, foi rescindido por justa causa. 

Veja o documento na íntegra:

Leia a carta de Daniel Alves para Joana Sanz
Leia a carta de Daniel Alves para Joana Sanz Reprodução

Veja a tradução da carta na íntegra:

Minha querida Joana. São quase 8 anos de muito amor, carinho, respeito e cuidado mútuo.

Principalmente nos últimos anos com você tudo parece mais fácil e gostoso. Você e meus filhos, Dani Filho e Victoria, foram as melhores coisas que aconteceram na minha vida.

Juntos, crescemos desde o dia em que nos conhecemos. Desde o primeiro minuto, começamos uma vida juntos. Acompanhamos um ao outro todos esses anos. Fortalecendo um ao outro e mimando a vida um do outro. Agora, nesses momentos difíceis, lamento sua decisão e anseio para que a vida nos dê outra chance de te amar novamente.

Entendo a dor que a situação injusta que estamos vivendo está causando e entendo que você não foi capaz de suportar toda essa pressão. Os fatos de que sou acusado são estranhos para mim e para os valores que nortearam minha vida: amor, respeito e esforço.

Vou continuar lutando como sempre fiz, acreditando em mim mesmo com o apoio e a confiança de quem realmente sabe quem eu sou: lutarei até o fim com o amor incondicional de meus filhos, meus pais e daqueles que continuam ao meu lado, para em breve provar minha inocência ao mundo inteiro.

Onde estiver. Como estiver. Estará sempre em meu coração.

Com muito amor.

Daniel Alves. 

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas