Flavio Ricco   Record não fará debates no primeiro turno das eleições

  Record não fará debates no primeiro turno das eleições

  • Flavio Ricco | Do R7

Record não fará debates no primeiro turno das eleições

Record não fará debates no primeiro turno das eleições

Divulgação/Record TV

Considerando a questão da saúde, acima de outros fatores, a direção de jornalismo da Record decidiu não realizar debates no primeiro turno das eleições deste ano.

O parecer do corpo médico do Hospital Moriah foi fundamental na decisão que acaba de ser tomada e comunicada aos partidos.

Ainda em plena pandemia, com os cuidados que devem ser observados, a necessidade do distanciamento é um dos principais.

Afinal, só em São Paulo, além de toda uma equipe indispensável para a sua transmissão, haveria também obrigatoriedade de reunir em um estúdio os 11 candidatos à Prefeitura e as suas respectivas assessorias.

Diante dos tantos riscos, isso não seria recomendável para os tempos atuais.   

De qualquer forma, fica mantida a data de 21 de novembro para a realização dos debates nas capitais, onde houver a necessidade do segundo turno.

Comunicado

Record TV cancela debate entre candidatos a prefeito em SP

Informamos que a direção de Jornalismo da Record TV decidiu cancelar a realização do debate no primeiro turno entre os candidatos à Prefeitura de São Paulo.

A Record TV preza pela saúde de seus colaboradores e de seus convidados. Por isso, depois de consultar uma comissão de médicos e de técnicos em medicina do trabalho, a emissora entendeu que não há condições de promover o encontro com segurança.

O número elevado de candidatos, a presença de assessores políticos (mesmo que limitados a dois por candidato) e o essencial trabalho dos profissionais da emissora tornariam impossível seguir os protocolos sanitários recomendados pelos médicos. E transformariam o evento em um potencial foco de infecção do novo Coronavírus.

Importante destacar que a Record TV segue a legislação eleitoral, que assegura a participação em debates, em iguais condições, a todos os candidatos cujos partidos e/ou coligação têm cinco ou mais representantes no Congresso Nacional.

A Record TV reafirma o compromisso com a informação de qualidade, que é fundamental para auxiliar o eleitor no momento do voto. Desta maneira, irá ampliar a cobertura eleitoral em suas mais de 12 horas diárias de programação jornalística ao vivo.

O debate de segundo turno permanece confirmado para o dia 21 de novembro.

Últimas