Famosos e TV Do sucesso nos anos 90 ao ostracismo: quem é Marlene Mattos, ex-braço direito de Xuxa

Do sucesso nos anos 90 ao ostracismo: quem é Marlene Mattos, ex-braço direito de Xuxa

Empresária e diretora de TV voltou ao noticiário depois de ser acusada por apresentadora

  • Famosos e TV | Do R7

Resumindo a Notícia
  • Marlene Mattos foi braço direito de Xuxa Meneghel nos anos 1990.

  • Em 2002, as duas romperam a relação pondo fim à parceria de sucesso.

Marlene Mattos foi o braço direito de Xuxa, com quem rompeu relações no início dos anos 2000

Marlene Mattos foi o braço direito de Xuxa, com quem rompeu relações no início dos anos 2000

Reprodução/Instagram

A empresária, produtora e diretora de TV Marlene Mattos voltou a chamar a atenção do noticiário depois que a apresentadora Xuxa Meneghel acusou a sua ex-parceira de barrar a contratação de paquitas negras ainda nos anos 1990. Ela — que estava em Salvador (BA) naquele momento — não reagiu à acusação.

Nascida em São José do Ribamar (MA), cidade maranhense com cerca de 179 mil habitantes, Marlene Mattos iniciou a carreira na extinta TV Manchete. Foi lá que Xuxa e ela se conheceram. Tornaram-se amigas, antes de seguirem para a TV Globo.

Na emissora, começou em um cargo simples, como datilógrafa, mas a personalidade forte dela a transformou em destaque. Cresceu e mudou de função. Passou a ser empresária de Xuxa e, depois, diretora de vários programas e projetos. Paralelamente, fundou a empresa Sports & People e cuidou da carreira de artistas e esportistas.

Embora reconhecida pelo trabalho nos bastidores, Marlene ganhou fama de "rude e grossa" do grande público também, com broncas que fazem famosos se lembrar até hoje. Foi apelidada de "a poderosa chefona".

"Só consegui vencer porque tenho uma garra filha da mãe. Mas não me arrependo de ter gritado com ninguém", disse ela, em entrevista publicada pela Folha.

Em 2003, quando acabara de romper a relação com Xuxa, o jornal Folha de S.Paulo estimou o seu patrimônio em cerca de US$ 20 milhões e um salário mensal de R$ 55 mil, além de uma bonificação de R$ 270 mil.

Sem a rainha dos baixinhos como sombra, e o sucesso dos anos 1990 já não mais tão em evidência, Marlene Mattos trocou de emissora: foi para a Band, passou pelo SBT e a RedeTV!. Não conseguiu emplacar sucessos.

Em 2016, a empresária deixou a vida agitada de diretora de TV para se dedicar a um hotel-fazenda no interior de Sergipe. Passou a administrar uma área de 700 hectares. Hoje também faz o agenciamento de alguns influencers.

Prestes a completar 73 anos, Marlene faz questão de mostrar a rotina ao lado da família e de amigos e prioriza a preocupação com a saúde, em registros publicados no perfil dela nas redes sociais.

"Mais um dia de atividade física vencida. Saúde é primordial", escreveu ela.

Marlene Mattos deixa a carreira na TV para administrar hotel fazenda em Sergipe

Últimas