Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Entretenimento – Música, famosos, TV, cinema, séries e mais
Publicidade

Rodrigo Mussi relembra grave acidente após um ano: 'Não sentia vontade de viver'

Influenciador ficou em estado grave após batida de carro em março de 2022; recuperado, ele lançou programa de entrevistas na web

Famosos e TV|Gabriela Guidotte*, do R7


Rodrigo Mussi relembrou acidente um ano após o ocorrido
Rodrigo Mussi relembrou acidente um ano após o ocorrido

Um ano após o grave acidente que sofreu, Rodrigo Mussi conseguiu se recuperar do trauma e seguir a vida, mesmo com algumas sequelas ainda presentes. Aos poucos, o influenciador digital foi retomando a rotina que tinha antes de passar quase um mês hospitalizado e em coma.

O modelo ficou internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) no Hospital das Clínicas, em São Paulo. Ele sofreu traumatismo craniano e teve várias fraturas. Em conversa com o Portal R7, Mussi afirmou que não tinha mais vontade de viver quando ainda estava em recuperação, poucos dias após o acidente. 

"Foi muito difícil. Depois do acidente, eu senti uma depressão muito forte, não sentia vontade de viver, mesmo", relembrou ele.

Além de fraturas, o influenciador ficou sem sentir cheiro e gosto e teve a visão prejudicada. "Eu não voltei a enxergar como antes, na época, não sentia sabor, nem cheiro, estava com a perna toda quebrada", contou.

Publicidade

A maneira como ele tentou levar o trauma foi seguir com a rotina e continuar fazendo tudo o que fazia antes, sem deixar que as dificuldades que estava enfrentando o atrapalhassem.

"Eu coloquei uma posição na minha vida, assim que eu estava ali em recuperação, eu falei: 'Eu vou lutar'. E uma mudança que fiz, na época, foi não deixar de fazer nada que eu faria normalmente por conta de trauma, por medo ou pelo acidente ter me ferrado a vida", declarou Mussi.

Publicidade
Talvez seja um trauma que vou levar para o resto da vida

(Rodrigo Mussi)

O acidente, que ocorreu na madrugada de 31 de março de 2022, foi causado após o motorista de aplicativo, que conduzia o carro em que Mussi estava, dormir ao volante. O veículo onde o influenciador estava acabou colidindo com um caminhão na marginal Pinheiros, em São Paulo. Rodrigo estava no banco de trás do veículo e sem o cinto de segurança.

Rodrigo Mussi dois meses após o acidente
Rodrigo Mussi dois meses após o acidente

O modelo disse não ter medo de andar de táxi, carros de aplicativos ou até mesmo dirigir, porém, depois do ocorrido, fica mais atento às questões de segurança no trânsito. 

Publicidade

"Já voltei a dirigir, carro de aplicativo eu pego direto, não ligo para isso, eu não carrego traumas, porque já aconteceu, poderia acontecer em qualquer momento diferente, não somente com carro de aplicativo. Agora, sou um cara que lida mais com a segurança, cinto no banco de trás, vejo se o motorista está com sono ou se não está, eu fico mais alerta na segurança", afirmou.

Medo de perder a visão

O mais difícil para Rodrigo foi a perda de visão. O influenciador passou por uma cirurgia nos olhos, porém teve de aprender a conviver com o olho esquerdo sem voltar a enxergar 100%. Esse era um dos maiores medos de Mussi: ficar cego e sem os movimentos das pernas.

"O doutor me chamou e disse que eu teria que aceitar que meu olho esquerdo não voltaria como antes. Eu não enxergo como antes, enxergo embaçado pelo olho esquerdo. Pelo olho direito, eu enxergo. É impressionante como nosso cérebro vai acostumando a gente a enxergar normal. Às vezes, eu até esqueço do olho com que estou enxergando mal. Esse trauma foi o maior, talvez seja um trauma que vou levar para o resto da vida", disse Mussi. 

A esperança de vencer as sequelas surgiu durante o show do Coldplay, no Rock in Rio, em 2022. Rodrigo cobriu o evento como apresentador, trabalhou mais de dez horas e, na apresentação da banda, disse ter sido a primeira vez que enxergou normalmente, sem ter realizado a cirurgia ainda, seis meses após o acidente. 

"Eu estava trabalhando, e ali eu usava lente, não tinha feito a cirurgia dos olhos ainda, e eu comecei a sentir [a visão] normal novamente. Aquele dia do [show do] Coldplay foi a primeira vez que vi uma luzinha no final do túnel lá na frente. E eu falei: 'Eu vou lutar, eu acho que eu posso vencer este acidente'. Foi a primeira vez que senti isso", declarou o apresentador. 

Mussi compareceu também na turnê do grupo pelo Brasil, recentemente: "A banda realmente tem algo diferente para mim", afirmou.

Nova fase da carreira

Rodrigo se reinventou e lançou recentemente um programa de entrevista no TikTok, em formato de live. A atração Café com Mussi finalizou as gravações da primeira temporada e famosos como Maíra Cardi, Reynaldo Gianecchini, Arthur Aguiar foram alguns dos entrevistados.

"O programa fala sobre superação, continuação, conversar com pessoas famosas, porque a gente as vê no topo, mas às vezes não entende o processo deles. A gente quer muito o que eles têm, mas será que a gente quer o caminho deles", comentou Mussi.

Na segunda temporada, o projeto abordará o mercado empreendedor: "Em abril, já começa a segunda temporada, a gente vai falar de negócios, empreendedorismo, e, aí, vão ter outros convidados, de outro mercado, e vai ser muito legal", concluiu o modelo.

Troca de indiretas, unfollow e ameaças: entenda a briga entre Rodrigo Mussi e irmão

*Estagiária do R7 sob supervisão de Camila Juliotti

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.