Música Dupla Anavitória cobra R$ 95 por ingresso de live e é criticada na web

Dupla Anavitória cobra R$ 95 por ingresso de live e é criticada na web

Equipe das cantoras disse que intuito é arrecadar dinheiro para 'profissionais da área ficarão sem trabalhar', por conta da pandemia da covid-19

  • Música | Do R7

Fãs pediram para elas cantarem de graça

Fãs pediram para elas cantarem de graça

Reprodução/Instagram

A dupla Anavitória atendeu o pedido dos fãs e decidiu fazer uma live, porém anunciou que vai cobrar o valor de R$ 95 pelos ingressos. A informação foi divulgada no site oficial das cantoras e justifica que o intuito é arrecadar dinheiro para "os profissionais da área ficarão sem trabalhar por tempo indeterminado", por conta da crise provocada pela covid-19. 

Ana Caetano e Vitória Falcão estavam em turnê do disco O Tempo é Agora e ainda tinham shows para cumprir, mas tiveram os planos interrompidos pela pandemia.

Ao adquirir o ingresso, a pessoa poderá assistir à seis lives com parte dos profissionais que integraram a equipe da turnê, além de acompanhar uma exibição inédita de um show realizado por elas em março de 2019.

Os fãs de Anavitória não gostaram da notícia e protestaram nas redes sociais. "É um absurdo pagar 95 reais pra assistir algo online. Se o objetivo é arrecadar doações, faz gratuito e deixa link do picpay que dá muito mais certo", criticou uma internauta. "Pandemia dessa, o povo tudo pobre e Anavitória querendo cobrar 95 reais pra assistir a live delas. Eu amo vocês, mas só tenho 10 reais poxa! Queremos live de graça", comentou outra fã. "Todo mundo fazendo live pra arrecadar dinheiro/alimento e a Anavitoria vai fazer live cobrando", questionou um internauta.

Procurada pelo R7, a equipe de Anavitória não retornou o contato até o momento.

Leia na íntegra as informações sobre a live paga da dupla

A turnê do disco O TEMPO É AGORA (ganhador do Grammy de ‘Melhor Álbum Pop em Língua Portuguesa’) terminaria no primeiro final de semana de abril em Palmas, capital do Tocantins, estado natal das Anavitória. Foram aproximadamente 150 shows de norte à sul do país e também em Portugal.
Mesmo após o fim da tour, os membros da nossa equipe de estrada seguiriam trabalhando individualmente no mercado, atendendo outros artistas e diversos eventos, como já faziam costumeiramente.
Mas como, de uma hora para outra, o mundo se desconfigurou e quase todo mundo precisou ficar em casa, o cenário mudou completamente de figura. A indústria do entretenimento ao vivo foi duramente atingida pelas consequências do necessário isolamento social e da crise sanitária e econômica que estamos vivendo.
Levando em consideração que atividades com aglomeração de pessoas devem ser as últimas a voltar ao normal, muitos dos profissionais da nossa área ficarão sem trabalhar por tempo indeterminado.
Como o show não deve parar, chamamos parte da equipe responsável pela produção dessa turnê para compartilhar um pouco das histórias de bastidores. Vamos conversar de tudo um pouco: Desde noções básicas sobre como levar um show para a estrada até curiosidades e detalhes técnicos de toda a estrutura.
Serão 7 encontros diários ao longo de uma semana, sendo 6 lives com alguns dos profissionais que fizeram parte da turnê e 1 exibição inédita de um show realizado em março do ano passado na Fundição Progresso, no Rio de Janeiro.
100% da arrecadação com as inscrições será destinada aos profissionais convidados a compartilhar seus conhecimentos nessas lives.
Os ingressos são limitados e você pode saber mais informações e contribuir para que a cadeia produtiva da música continue brilhando através do link abaixo.

https://otempoeagora.com.br/bastidores/

Últimas