Música Tony Bennett, astro do jazz, morre aos 96 anos

Tony Bennett, astro do jazz, morre aos 96 anos

Artista foi diagnosticado com Alzheimer em 2016, mas continuou trabalhando nos anos seguintes

  • Música | Do R7

Resumindo a Notícia
  • Tony Bennet morreu, aos 96 anos.

  • Cantor foi diagnosticado com Alzheimer em 2016.

  • Astro do jazz ganhou 18 prêmios Grammy.

Tony Bennett morre, aos 96 anos

Tony Bennett morre, aos 96 anos

Reprodução/Instagram

Grande astro do jazz, Tony Bennett morreu, aos 96 anos, na manhã desta sexta-feira (21), na cidade de Nova York, nos Estados Unidos. O artista foi diagnosticado com Alzheimer em 2016, mas continuou compondo e cantando até 2021, segundo a revista Variety.

Nascido em Nova York em 1926, o cantor tinha mais de 70 anos de carreira, vendeu milhões de discos pelo mundo e ganhou 18 prêmios Grammy.

O astro deixa a mulher, Susan Benedetto, quatro filhos e nove netos.

Bennett é bastante conhecido pelas colaborações com Frank Sinatra, que o chamou de "o cantor mais popular de todo o mundo". Ao longo das décadas de 1950 e 1960, o artista foi um dos mais conhecidos ao redor do planeta.

• Compartilhe esta notícia no WhatsApp
• Compartilhe esta notícia no Telegram

Nos últimos anos, Tony Bennett chegou às novas gerações ao gravar parcerias com Amy Winehouse e Lady Gaga. A última aparição do artista aconteceu em agosto de 2021, dois meses antes do último lançamento, uma gravação com Gaga.

Filho de imigrantes italianos nos Estados Unidos, Bennett cresceu na pobreza, começou a cantar quando ainda era criança e lançou o primeiro álbum independente em 1949.

Muito conhecido pelo trabalho com a música, o artista também era pintor e teve obras expostas em galerias de diversos países.

Relembre os famosos que morreram em 2023

Últimas