Famosos e TV Britney Spears é investigada por suposta agressão a funcionária

Britney Spears é investigada por suposta agressão a funcionária

A ex-governanta relatou que a cantora 'a atacou durante um desentendimento' e arrancou seu celular a força

Reuters

De acordo com o delegado da cidade de Ventura, Eric Buschow, Britney é suspeita na investigação depois que sua ex-governanta relatou que a cantora "a atacou durante um desentendimento".

Britney Spears é investigada por suposta agressão a funcionária

Britney Spears é investigada por suposta agressão a funcionária

Reprodução/Instagram

"No fim das contas, essa investigação será encaminhada ao escritório do advogado para revisão. É uma infração de menor gravidade", disse Buschow à revista americana 'People'.

No entanto, uma fonte próxima a Britney insistiu que a acusação não é legítima.

"A governanta estava segurando o telefone de Britney, que tentou arrancá-lo de suas mãos. Ela não bateu em ninguém", disse a testemunha.

Buschow se recusou a discutir os detalhes do incidente, mas explicou que, de acordo com a lei penal americana, o crime de agressão se configura quando há "uso de força física" contra outra pessoa, mas esclareceu que não houve lesão corporal como resultado nesse caso.

Relatórios anteriores afirmaram que o desentendimento ocorreu depois que a funcionária levou o cachorro de Britney ao veterinário e elas discutiram sobre o bem-estar do cão. No entanto, nenhuma das partes confirmou os detalhes do incidente.

Remédios e vigilância: as chocantes revelações da tutela de Britney

Últimas